RS: ano começa com gasolina mais cara em Santa Cruz
CI
Imagem: Pixabay
ECONOMIA

RS: ano começa com gasolina mais cara em Santa Cruz

Pesquisa indica aumento de R$ 0,05 do litro mais barato, na comparação com pesquisa do Procon feita ainda em 202
Por:

O ano novo veio com aumento de preços no litro da gasolina comercializado em Santa Cruz do Sul. Na comparação com a última pesquisa divulgada pelo Procon no dia 26, o preço mais baixo encontrado nos postos estava R$ 0,05 mais caro no último sábado, 2, ou seja, quatro dias após o levantamento do órgão municipal.

Segundo o último levantamento feito pelo Procon, e divulgado no site da Prefeitura na terça-feira passada, o valor mais barato para o litro de gasolina comum no município era R$ 4,68, para compra em dinheiro ou débito. Na tarde do último sábado, a Gazeta do Sul percorreu os principais postos instalados no Centro e bairros do município e encontrou como menor valor R$ 4,73 – R$ 0,05 a mais do que o Procon havia divulgado.

A alteração de valor ocorreu após a Petrobras ter anunciado um reajuste na gasolina na casa dos 5%. Durante o ano passado, a estatal reajustou 41 vezes o preço da gasolina junto às refinarias.

Nos postos, a gangorra de preços indica que o proprietário de veículo deve estar sempre atento a ofertas e promoções. Quem participa de programas de fidelidade, realizados por algumas refinarias, acaba conseguindo o abatimento maior no preço, utilizando cadastros em programas e aplicativos. Nestas opções, o valor do litro da gasolina comum cai até R$ 4,53, ficando R$ 0,20 mais baixo do que o preço mínimo pesquisado. Já na comparação entre os postos, a variação no preço não é tão grande: entre o valor mais alto e o mais baixo, são R$ 0,06 de diferença.

A variação de preços no litro da gasolina aditivada, divulgado pelo Procon, na última semana de 2020, contra os preços encontrados no último sábado é semelhante. O preço mais baixo, segundo o órgão era R$ 4,69, enquanto o levantamento feito pela Gazeta mostra que o preço menor era de R$ 4,76 – diferença de R$ 0,07 entre as duas pesquisas.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink