RS: Exportações de carne de frango e ovos registram aumento
CI
Imagem: Pixabay
PRIMEIRO SEMESTRE

RS: Exportações de carne de frango e ovos registram aumento

Destaque vai para os ovos, que tiveram uma alta de mais de 70% nos embarques internacionais
Por: -Aline Merladete

As exportações de carne de frango (processada e in natura) do Rio Grande do Sul aumentaram 8% no primeiro semestre de 2022. No período de janeiro a junho deste ano, o Estado exportou 380 mil toneladas, contra 352 mil toneladas enviadas ao mercado internacional no mesmo período do ano passado. O aumento também foi obtido na receita, passando de US$ 559,9 mil em 2021 para US$ 740,9 mil neste ano, registrando uma alta de 32,3% no período. O mês de junho deste ano registrou um acréscimo de 13,4% nas exportações comparadas ao mesmo mês do ano passado, saltando de 64,2 mil toneladas há 12 meses, para 72,9 mil toneladas em 2022. Esta elevação refletiu também na receita obtida no período, passando de US$ 105,4 mil em 2021 para US$ 153,5 mil neste ano, aumentando em 45,60% o faturamento alcançado.

No setor da indústria e produção de ovos, o Estado manteve a tendência altista das exportações. De janeiro a junho deste ano, o volume exportado atingiu 1,1 toneladas, com aumento de 70,1% comparado ao mesmo período de 2021, onde foi registrado 691 toneladas exportadas. Em faturamento, o aumento foi de 151,4%, passando de US$ 1,5 mil para US$ 3,9 mil na receita obtida. Junho registrou também elevação de 48,2% no volume de ovos exportados, alcançando 195,7 toneladas, em comparação há 12 meses quando havia enviado ao mercado externo 132,1 toneladas. O aumento foi obtido também no faturamento, passando de US$ 205,7 mil para US$ 886,2 mil, um crescimento de 330,8% no período.

O presidente executivo da Organização Avícola do Rio Grande do Sul (Asgav/Sipargs), José Eduardo dos Santos, avalia que o aumento das exportações ainda está ligado aos efeitos do conflito Rússia X Ucrânia, além da “qualidade e potencial de atendimento do complexo agroindustrial avícola brasileiro”.

As informações foram divulgadas pela ASGAV/SIPARGS


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.