Safra 2003/04 de grãos em GO deve superar 12 milhões de toneladas
CI
Agronegócio

Safra 2003/04 de grãos em GO deve superar 12 milhões de toneladas

Por:

A safra de verão 2003-2004 deverá bater recorde de produção em Goiás. O segundo levantamento de intenção de plantio, feito pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), indica crescimento de 6,28% na produção goiana, que deve superar 12 milhões de toneladas, graças a um incremento de 8,92% sobre a área plantada na última safra. Na colheita 2002-2003, a produção foi de 11,33 milhões de toneladas.

O bom desempenho da próxima safra será puxado pela soja, cujo plantio abrange área 15% maior e a produção deve crescer 13,8%. O crescimento acumulado desde a safra 90-91 chega a 132%, favorecido pelo progresso tecnológico, que elevou a produtividade das lavouras goianas.

A área que está sendo plantada no Estado deve passar de 3,5 milhões para 3,8 milhões de hectares, um acréscimo médio de 312 mil hectares, considerando que algumas culturas tiveram redução. Esse incremento é resultado da boa perspectiva na produção de soja, que deve atingir 7,2 milhões de toneladas, em virtude de um mercado internacional aquecido, da boa liquidez prevista e a facilidade de financiamento das lavouras, por meio da compra antecipada pelas indústrias.

Os levantamentos iniciais indicam que a área plantada de algodão em caroço será 21 mil hectares maior que na última safra. O encarregado do Setor de Apoio à Logística e Gestão de Oferta da Conab, Luiz Vilela Gouveia, lembrou que o aperfeiçoamento do processo produtivo, com a utilização de tecnologias de última geração, deve garantir ganhos na produtividade. A produção também está sendo motivada pelos bons ganhos obtidos pelo produtor na safra 2002-2003 e pelo programa de incentivo fiscal do governo estadual.

Após vários anos de declínio, a área plantada e a produção de arroz devem crescer 5% na próxima safra. Apesar das dificuldades na produção, o alto preço do produto está animando os produtores a retomarem o plantio em pequenas áreas. A intenção de plantio da primeira safra de milho também indica uma pequena queda de 8% na área plantada. Um número cada vez maior de agricultores está trocando o milho pela soja por causa do preço, liquidez e facilidade de financiamento. A produção deve chegar a 2,2 milhões de toneladas.

A área plantada de feijão de 1ª safra também será 1,6 mil hectares menor que na última safra. Os produtores reduziram o plantio porque o grande volume colhido na segunda e terceira safras de 2003 derrubou os preços para valores próximos ao custo de produção. O levantamento confirma que Goiás é o maior produtor de girassol e de sorgo do País, com 54% e 35% da produção nacional, respectivamente. Desde a safra 90-91, a produção goiana de sorgo cresceu 6.800% e a de trigo aumentou mais de 9.400%, enquanto a de arroz ficou 57% menor. A produção de soja também cresceu 336% nos últimos 13 anos.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink