Safra de cana do Centro-Sul começa oficialmente com preços do açúcar em queda
CI
Imagem: Pixabay
AGRICULTURA

Safra de cana do Centro-Sul começa oficialmente com preços do açúcar em queda

A safra de cana-de-açúcar da região Centro-Sul do Brasil começou oficialmente na última sexta-feira (1º de abril)
Por:

A safra de cana-de-açúcar da região Centro-Sul do Brasil começou oficialmente na última sexta-feira (1º de abril), com algumas poucas unidades já processando a matéria-prima neste início de temporada. Levantamento extraoficial, no entanto, aponta que a grande maioria das usinas deve começar o processamento da nova safra na segunda quinzena de abril, isso porque, os canaviais ainda não estariam "prontos" para o novo ciclo.

A tendência para a nova temporada é de uma pequena recuperação no volume de cana a ser processado, levando em conta que o ano de 2021 trouxe inúmeros desafios que derrubaram a produtividade média dos canaviais para próximo a 67 toneladas de cana por hectare. Foram pelo menos três geadas no inverno e ainda um período histórico de seca.

Na última sexta-feira as cotações do açúcar nos mercados internacionais fecharam em baixa, segundo analistas ouvidos pela Reuters, devido a uma série de fatores, dentre eles a recente fraqueza nos preços do petróleo e o dólar em queda perante o real.

Em Nova York, na ICE Futures, o açúcar bruto, no vencimento maio/22, fechou desvalorizado na sexta-feira (1º) com negócios firmados em 19,37 centavos de dólar por libra-peso, recuo de 12 pontos, ou 0,6%, no comparativo com os preços de quinta-feira. Já o lote julho/22 caiu 13 pontos, negociado a 19,19 cts/lb. Os demais contratos recuaram entre 2 e 7 pontos.

Segundo operadores ouvidos pela Reuters, "o início da nova temporada de açúcar no Centro-Sul do Brasil aumentaria o foco nos preços de energia, já que as usinas escolhem usar a cana-de-açúcar recém-colhida para produzir etanol para biocombustível ou açúcar".

Ainda segundo a agência de notícias, o Brasil exportou 1,44 milhão de toneladas de açúcar em março, contra 1,97 milhão de toneladas no mesmo mês de 2021.

Açúcar branco

Em Londres o açúcar branco também fechou desvalorizado em todos os lotes da ICE Futures Europe. O vencimento maio/22 foi contratado a US$ 538,50 a tonelada, recuo de 3 dólares, ou 0,6% no comparativo com os preços do dia anterior. Já a tela agosto/22 foi contratada a US$ 528,30 a tonelada, recuo de 2,40 dólares. Os demais contratos caíram entre 90 cents e 2,50 dólares.

Mercado doméstico

No mercado interno o mês de abril começou com o açúcar cristal em alta pelo Indicador Cepea/Esalq, da USP. Na sexta-feira a saca de 50 quilos foi negociada a R$ 143,65 contra R$ 142,86 da véspera, variação positiva de 0,55%.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.