Safra de grãos é alavancada pelo clima em Bom Jesus (PI)

Agricultura

Safra de grãos é alavancada pelo clima em Bom Jesus (PI)

Segundo especialista, safra 2017/18 de soja e milho pode ter produção recorde
Por:
176 acessos

As chuvas que se iniciaram em novembro e seguem caindo sob a região sul do Piauí, estão influenciando positivamente nas safras 2017/18 da soja e do milho. “É um ano muito promissor, esperamos uma das melhores safras dos últimos tempos”, afirma Nonato Mendes, engenheiro agrônomo da Provali Consultoria Agrícola de Bom Jesus (PI).

Em consequência da boa produtividade, o preço da saca do milho pode diminuir no mercado. “Devemos ter a saca de 50 kg saindo por aproximadamente R$ 25”, diz Nonato. Porém, o valor da soja deve se manter o mesmo, que é de R$ 60 a R$ 65 para a saca de 50 kg. De acordo com o especialista, os agricultores devem colher uma média de 55 sacas por hectare tanto soja como de milho.

Entre as principais cidades produtoras no sul do estado, estão Bom Jesus, Monte Alegre, Santa Filomena, Gilbués, Currais e Uruçuí. O clima ideal para a produção das culturas conta com uma média de 150 mm a 200 mm de chuva por mês. “Durante todos esses últimos meses, tivemos uma média de 900 mm a 1200 mm”, finaliza o agrônomo.

O meteorologista da Climatempo Vitor Hassan afirma que, para o sul do Piauí e regiões produtoras do Norte, as chuvas irão diminuir consideravelmente no inicio de abril. “Há expectativa de pouca chuva para a região Nordeste a partir de agora também”, afirma o meteorologista.

Sobre o Grupo Climatempo

O Grupo Climatempo é a principal empresa privada de meteorologia do país. Fornece, atualmente, conteúdo para mais de 50 retransmissoras nacionais de televisão, para rádios de todo o Brasil e para os principais portais. Com cerca de dois mil clientes oferece conteúdo meteorológico estratégico para o setor de agricultura, moda e varejo, energia elétrica, construção civil, seguradoras e indústrias farmacêutica e de alimentos.

O Portal Climatempo transformou-se no veículo líder em visitação do país. É referência na divulgação de conteúdo que estimula a consulta diária de previsão do tempo. Classificado nos principais institutos de pesquisa entre os 30 sites mais visitados do país em língua portuguesa, é visitado por mais de 1,5 milhão de usuários por dia, chegando a quase 3 milhões nas vésperas de feriados e durante fenômenos extremos de tempo e clima, com um crescimento anual na marca de 30%. O Grupo é presidido pelo meteorologista Carlos Magno que, com mais de 27 anos de carreira, foi um dos primeiros comunicadores da profissão no país. 
 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink