SBSS: especialista internacional aborda sobre uso de aditivos nutricionais alternativos
CI
Agronegócio

SBSS: especialista internacional aborda sobre uso de aditivos nutricionais alternativos

VII Simpósio Brasil Sul de Suinocultura, de 5 a 7 de agosto
Por:
Dr. Christophe Paulus discute a possível substituição dos APCs por produtos eficazes como os eubióticos

A proibição do uso de antibióticos promotores de crescimento (APCs) na União Europeia em 2006 teve um sério impacto na performance e no status da saúde dos leitões desmamados. Durante o VII Simpósio Brasil Sul de Suinocultura, que ocorre entre os dias 5 a 7 de agosto, em Chapecó, o Dr. Christophe Paulus discute sobre a substituição dos APCs por produtos alternativos eficazes como os eubióticos, com ênfase nos ácidos orgânicos, probióticos, prebióticos e óleos essenciais. 

O evento vai reunir cerca de mil veterinários, zootecnistas e profissionais no Centro de Cultura e Eventos Plínio Arlindo De Nes para debater os principais desafios do setor. Considerado um dos mais importantes eventos técnicos da suinocultura brasileira, o SBSS é realizado no coração da produção e exportação do país pelo Núcleo Oeste de Médicos Veterinários e Zootecnistas e conta com programação técnica qualificada focada nas demandas das agroindústrias e temais pontuais.

Nos últimos anos, os aditivos alternativos têm sido descritos como 'Eubioticos', relacionado ao termo grego 'Eubiosis', referindo-se a um equilíbrio ideal de microbiota gastrointestinal. “A finalidade principal de usar tais eubióticos é manter o equilíbrio da microbiota intestinal, o que resultará em um status de melhor saúde e consequentemente, em melhor desempenho dos animais”, afirma Paulus.

Conforme o especialista, a prioridade é avaliar quais aditivos alternativos são eficazes para a substituição dos APCs de um ponto de vista científico, levando-se em conta o seu principal modo de ação. 

“É consenso que a eficácia dos aditivos alternativos baseia-se principalmente nos efeitos antimicrobianos e a capacidade de influenciar e modificar parcialmente a composição e concentração total da microbiota intestinal. Vários aditivos recém estabelecidos, bem como alguns tradicionais, têm como apelo a alteração da composição ou da atividade da microbiota intestinal, tais como os ácidos orgânicos, probióticos, prebióticos, compostos de óleos essenciais, mas também ingredientes contendo Zn e Cu”, finaliza.

Atenção ao prazo das inscrições

Últimos dias pra garantir seu lugar no SBSS com preço especial. Profissionais e estudante pagam R$ 290 e R$200, respectivamente, até o dia 11 de julho. Durante o evento, os valores passam para R$ 370 e R$ 260. Universidades com mais de vinte estudantes e grupos de profissionais terão valor diferenciado.

As inscrições podem ser feitas no site www.nucleovet.com.br.

Programação qualificada

Serão três dias de troca de conhecimento, tecnologia e bons negócios com palestrantes brasileiros e internacionais que são referências no setor.

Uma das enfermidades mais desafiadoras para o setor, o Vírus da Diarreia Epidêmica dos Suínos (PEDv) será discutido no painel de abertura do Simpósio, com a participação de especialistas em virologia e dinâmica da enfermidade. O professor Amauri Alfieri abordará a “Etiologia do PEDv”, o Dr. Daniel Linhares  discute sobre “PEDv - Origem, formas de disseminação regional e medidas de prevenção e controle” e a conceituada especialista Dra. Janice Zanella encerra com “Risco Brasil, recados finais”.

Na quarta-feira, Celso Cappellaro, gerente de operações da Aurora, aborda a "Logística e seu impacto na suinocultura brasileira", seguido pelo tema "Inseminação Artificial Intrauterina", com o pesquisador e professor da UNOESC, Paulo Bennemann. "Fatores que influenciam a qualidade do sêmen de reprodutores suínos" será apresentado por Daiane Donin, da UFPR Palotina, e "Estresse oxidativo em fêmeas suínas hiperprolíficas", pelo PhD e especialista em nutrição animal, Alysson Saraiva, da UFV.

O uso correto de antibióticos e a adequação às regras específicas de cada mercado importador sobre a presença de resíduos na carne suína será tema da palestra do doutor em sanidade animal Everson Zotti. No último dia do evento, o Dr. Geraldo Alberton, da UFPR, fala sobre o "Impacto das perdas econômicas por problemas locomotores nas matrizes" e o médico veterinário Vinícius Espeschit de Morais apresenta o "Custo da reposição de plantel, formas de minimizar as perdas". 

O médico veterinário PhD em epidemiologia, Eduardo Fano, encerra a programação com “Abordagem Sistemática para o Entendimento e Controle das Doenças Respiratórias” e o especialista em sanidade suína Marcelo Almeida com "Complexo Respiratório". 

Paralelo às palestras, será realizada a VI PIG FAIR, feira de produtos e serviços para a suinocultura com participação de empresas brasileiras e multinacionais que trazem soluções e tecnologias em equipamentos, diagnóstico, sanidade, nutrição e manejo.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink