Minicursos

Sead apresenta minicursos no Semiárido Show – VII edição da Feira da Agricultura Familiar

O Semiárido Show conta a participação de diferentes ministérios do Governo Federal
Por: -Carolina Gama
108 acessos

Do sertão pernambucano nasceu a maior feira do nordeste brasileiro: O Semiárido Show, apoiado pela Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (Sead). O evento que começou nesta terça-feira (7), segue até sexta-feira (10). Neste ano, apresentando a sétima edição, a cidade de Petrolina foi escolhida para ser palco de mais de 100 inovações tecnológicas, além de contar com uma programação rica em palestras, capacitações, seminários, exposições e espaços temáticos.

A Sead apresentou durante o Semiárido, minicursos sobre o Programa Nacional de Sementes e Mudas para a Agricultura Familiar e sobre o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). Respectivamente, o engenheiro agrônomo da Coordenação-Geral de Diversificação Econômica, Apoio à Agroindustrialização e à Comercialização (CGDE), Fernando Luiz Ambrósio, representando a pasta, realizou a primeira apresentação. “Esse evento é de suma importância, para o desenvolvimento e a implantação de propostas e projetos que levem sementes, visto que é o ponto de diálogo com o agricultor, com as famílias e com as agricultoras que têm, principalmente aqui na região do semiárido. ”

Ele enfatiza que atualmente uma das prioridades da secretaria é a questão de multiplicação de sementes e mudas. “Estamos trabalhando principalmente com a questão de multiplicação de sementes e mudas, fazendo com que as instituições de pesquisa, por meio da Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), possam multiplicar esses materiais de forma exponencial. Ou seja, o produtor com o apoio da Sead, que hoje a atual gestão está enfatizando bastante esse trabalho, distribui uma determinada quantidade de sementes e mudas, e esse agricultor repassa para outro agricultor. ”

A analista técnica de Política Sociais da Sead, Camila Viana, ministrou o curso sobre o Pronaf Produtivo Orientado (PPO), linha específica do Pronaf voltada para os beneficiários que estão nas áreas de atuação dos fundos constitucionais do Norte, do Nordeste e do Centro-Oeste. O diferencial dela para as outras linhas, é que ela conjuga o crédito com a prestação da Ater. “Logo, a assistência técnica é paga por dentro do crédito. Isso é um enorme ganho porque com a dificuldade de recurso para a assistência técnica, é uma saída importante, porque essa assistência técnica compreende as ações de planejamento, de execução e de supervisão do crédito e não somente da elaboração do projeto, como é convencionalmente feita no Pronaf.”

A representante da Sead adiciona que há uma linha voltada para a convivência com o semiárido, que é bem específica, o chamado Pronaf Semiárido. O diferencial do PPO é justamente o envolvimento dele com outros biomas, além do semiárido.

O Semiárido Show conta a participação de diferentes ministérios do Governo Federal, instituições de pesquisa e de assistência técnica e extensão rural dos governos estaduais, universidades e institutos de educação, ciência e tecnologia, empresas privadas do setor agropecuário, federações e confederações de agricultores, organizações não governamentais e movimentos sociais ligados à agricultura familiar.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink