Seminário de Apicultura é destaque na Superagro 2013
CI
Agronegócio

Seminário de Apicultura é destaque na Superagro 2013

Cerca de 200 apicultores mineiros participarão das palestras ministradas durante o evento
Por:
Minas Gerais, líder do país na produção de própolis, é o estado responsável por 70% do volume total desta substância extraída do mel. Enquanto a produção nacional é de 40 toneladas anuais, Minas coleta 29 toneladas por ano. Atualmente, estima-se que existam cerca de seis mil apicultores no Estado e uma das maiores preocupações apontadas por especialistas do setor é a capacitação desses profissionais em um cenário cada vez mais lucrativo e com boas perspectivas. 


Com base neste cenário promissor, a apicultura será destaque na Superagro Minas 2013, apresentando o Seminário de Apicultura, que será realizado dia 8 de junho, no Expominas. Estarão presentes cerca de 200 apicultores de Minas que participarão de palestras gratuitas, uma parceria entre o Serviço Brasileiro de Micro e Pequenas Empresas (Sebrae-MG) e a Federação Mineira de Apicultura (Femap-MG). O seminário abordará temas como a capacitação profissional, a produtividade dos apicultores e as políticas públicas do setor. 

De acordo com o presidente da Femap-MG, Irone Martins Sampaio, existem diferentes fatores que explicam a liderança do Estado no segmento, entre eles a rentabilidade e a procura internacional pela própolis. Porém, a capacitação profissional é uma preocupação permanente.


 “Minas Gerais cada vez mais se torna referência mundial na qualidade de sua própolis e este já é o produto apícola com maior volume em exportações atualmente. Por isso, temos que investir em capacitação profissional para garantir boas perspectivas para o setor. Eventos como este que será realizado na Superagro são ótimas iniciativas para promover e difundir as informações úteis ao segmento, além de colocar em destaque as novas tendências do mercado", disse Sampaio.

Segundo ele, a boa posição mineira no ranking de produção de própolis é explicada pela condição climática do Estado, com altitude média e temperaturas ideais para a produção da substância, além de equipamentos adequados para a coleta e armazenagem da produção.


“Os estudos consideraram as propriedades terapêuticas da própolis e identificaram princípios ativos que possuem desde ação antibacteriana até função cicatrizante e regeneradora de tecidos. No Estado, o mel é um subproduto utilizado para garantir a produção da própolis, que é um ótimo negócio para se investir”, garante Sampaio. As inscrições para o seminário são gratuitas e poderão ser realizadas pelo e-mail femapmg@femapmg.com.br.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.