Senar ensina a identificar custos invisíveis da produção
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,200 (0,72%)
| Dólar (compra) R$ 5,63 (0,59%)

Imagem: Pixabay

ATeG

Senar ensina a identificar custos invisíveis da produção

Senar lançou vídeo da série de ATeG que ensina o produtor rural a identificar os custos invisíveis na sua atividade
Por:
45 acessos

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar) lançou, na sexta (4), um novo vídeo da série de Assistência Técnica e Gerencial (ATeG) Gestão, que ensina o produtor rural a identificar os custos invisíveis na sua atividade, como mão de obra familiar, depreciação e custo de oportunidade.

“Esses três itens compõe o custo fixo da atividade. São chamados de invisíveis porque não há desembolso durante a produção”, afirma o técnico Thiago Campos na aula.

O vídeo explica cada um dos itens e a importância do produtor rural analisar o que vale mais a pena para o seu negócio. A depreciação, por exemplo, é o valor contabilizado ao Custo Operacional Total (COT) e deve ser utilizado como uma reserva monetária, explica o técnico. Saiba mais sobre os Custos Invisíveis assistindo ao vídeo da ATeG do Senar.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink