Setor do tabaco vai à Casa Civil pedir apoio na COP 8

Tabaco

Setor do tabaco vai à Casa Civil pedir apoio na COP 8

Objetivo do encontro é solicitar que a cadeia produtiva do tabaco esteja representada no evento internacional, agendado para ocorrer de 1º a 6 de outubro, na Suíça
Por:
44 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente

Uma comitiva formada por deputados e representantes da cadeia produtiva do tabaco estará, hoje à tarde, em Brasília, em agenda com o ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha. O objetivo é garantir apoio ao setor durante a 8ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro para o Controle do Tabaco (COP8) que ocorre de 1º a 6 de outubro, na Suíça. A reunião ocorre às 17h.

A agenda foi confirmada durante reunião ordinária da Comissão de Agricultura, Pecuária e Cooperativismo da Assembleia Legislativa realizada na quinta-feira, 30 de agosto, durante a programação da Expointer, em Esteio. A intenção é buscar representatividade na COP 8, já que deputados não estarão presentes no evento internacional em virtude do período eleitoral.

Segundo parlamentares, até o momento não houve definição de quem irá representar o setor e defender a fumicultura e as regiões produtoras na COP. A participação no encontro foi articulada pelo deputado Marcelo Moraes (PTB), enquanto que a reunião em Brasília foi agendada pelo deputado federal Sérgio Moraes (PTB).

Presidente da Câmara Setorial da Cadeia Produtiva do Tabaco, Romeu Schneider acompanhará a agenda e espera diálogo e apoio do ministro para incluir na delegação oficial do Brasil, um representante que defenda, sobretudo, os produtores de tabaco. 'O Padilha é conhecedor da realidade e sabe da importância econômica e social da cultura para o Brasil', destaca Schneider que também estará representando a Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra), em Brasília. O Sindicato Interestadual da Indústria do Tabaco (SindiTabaco) também estará representado.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink