Sicadergs foca na rastreabilidade
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,200 (0,72%)
| Dólar (compra) R$ 5,63 (0,59%)


Agronegócio

Sicadergs foca na rastreabilidade

Nova diretoria focará na diferenciação do produto gaúcho
Por:
835 acessos

Com o objetivo de aquecer o mercado, a nova diretoria do Sicadergs, empossada nesta quarta-feira (22), irá focar a administração 2010/2013 na diferenciação do produto gaúcho, principalmente através da rastreabilidade do rebanho. Esta é a meta principal do sindicato, liderado pelo administrador de empresas Ronei Lauxen. "Vamos retomar esse projeto que não avançou e que pode ser o grande diferencial da nossa indústria."

Lauxen destaca que os produtores desejam receber uma premiação pelo rebanho rastreado, bonificação que a indústria aplica apenas para os proprietários de carcaças destinadas à exportação. "Esse plus varia de R$ 80,00 a 100,00 por cabeça quando a carne é destinada para a União Europeia, único mercado que atendemos que exige a rastreabilidade", comenta. Atualmente, cem propriedades gaúchas contam com este serviço. "O ideal seria que todo o rebanho fosse rastreado, o que possibilitaria a entrada em mercados como os Estados Unidos e o Japão."

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink