Soja brasileira já subiu 5,59% no mês

Imagem: Leonardo Gottems

MERCADO BRASIL

Soja brasileira já subiu 5,59% no mês

Sétima alta consecutiva do Dólar no Brasil permitiu um grande avanço nos preços da oleaginosa no interior
Por: -Leonardo Gottems
509 acessos

Segundo apurou a pesquisa diária do Cepea (Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada, da USP), os preços da soja no mercado físico brasileiro fecharam a quinta-feira (18.06) com preços médios da soja nos portos do Brasil sobre rodas para exportação subindo 2,27% nos portos, para R$ 113,52/saca (contra R$ 111,00/saca do dia anterior). Com isto o ganho acumulado nos portos neste mês ficou em 5,59%.

A T&F Consultoria Agroeconômica aponta que a sétima alta consecutiva do Dólar no Brasil, voltando para o terreno positivo no mês, permitiu um grande avanço nos preços da oleaginosa no interior do país. Com isso o mercado ficou “muito agitado e atingiu vendas de aproximadamente 300 mil toneladas de ‘origem’, nesta quinta-feira. Os preços chegaram a R$ 107,00/saca, para setembro, posto Campo Verde (MT). Em todos os estados plantadores de soja houve boa movimentação, que sacudiu o marasmo dos últimos dias”.

No Rio Grande do Sul a alta do Dólar também ajudou – mais uma vez – na elevação dos preços. A soja subiu novamente exatos R$ 1,50/saca, atingindo R$ 114,50 para julho no porto. No interior, os preços também subiram R$ 2,50/saca, para R$ 110,50 em Ijuí e Passo Fundo e 3 reais/saca para R$ 110,50 em Cruz Alta. No Paraná preços subiram em média 3 reais/saca para todas as posições, agricultor, mercado interno e exportação.

CHINA

Os relatórios internacionais recebidos pela T&F Agroeconômica não registraram negócios de soja brasileira diretamente com a China, apesar do grande movimento ocorrido no dia, pela alta do dólar: “Houve forte disputa entre uma estatal chinesa e uma Trading europeia por soja de Origem no interior do Brasil, tendo sido negociadas cerca de 300 mil toneladas ao todo no país, segundo nossa estimativa. Os prêmios da soja nos portos brasileiros estão ao redor de +130N para julho, comparados com +80N da soja argentina e + 85 da soja americana para o mesmo embarque”.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink