Soja cai com demanda menor

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Leia os Termos de Uso e a Termos de Privacidade.


CI
ANÁLISE AGROLINK

Soja cai com demanda menor

Vendas de exportações de grãos em ritmo lento na permanência do conflito político entre EUA e China
Por: -Leonardo Gottems

O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago registrou na quinta-feira (11.04) baixa de 6,75 pontos no contrato de Maio/19, fechando em US$ 8,9525 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT também fecharam a sessão com desvalorizações entre 6,25 e 6,75 pontos.

Os principais contratos futuros fecharam a sessão com perdas no mercado norte-americano da soja, com arrefecimento na demanda internacional. “O relatório de vendas de exportação de soja desta manhã mostrou um total de vendas fraco de 270.376 MT na semana que terminou em 4/4, bem abaixo das estimativas, que estavam entre 800 mil e 1,25MT. Isso ficou bem abaixo do total da semana passada e mais de cinco vezes menor que a mesma semana do ano passado. O principal comprador foi a Indonésia, com 73.700 toneladas, com a China apresentando uma redução líquida de 1.108 toneladas”, aponta o analista Luiz Fernando Pacheco, da T&F Consultoria Agroeconômica

A Consultoria AgResource aponta que o mercado em Chicago trouxe pressão aos preços, com vendas de exportações de grãos em ritmo lento na permanência do conflito político entre EUA e China: “Os compromissos da soja norte-americana atingiram apenas 270 mil tons nesta última semana, contra 1,5 milhão no mesmo período em 2018. Apesar das publicações de Trump sobre um ‘bom relacionamento’ com os chineses, os sinais do mercado indicam um cenário antagônico”. 

A ARC lembra que quanto mais tempo levar a tentativa de reconciliação comercial, maior será a dificuldade de talhar um memorando reconciliatório entre estadunidenses e chineses. “A CONAB atualizou seus números de estimativa de safra brasileira, trazendo um aumento de 0,36 MT na soja, para um total de 113,82 MT e aumento de 1,5 MT para o milho safrinha, que agora totaliza 68,14 MT”, concluem os analistas da AgResource.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink