Soja cai mais um pouco nos mercados do Sul
CI
Imagem: Divulgação
COTAÇÕES

Soja cai mais um pouco nos mercados do Sul

No Paraná, Paranaguá passa por alta de R$ 3,00/saca, negócios continuam parados
Por: -Leonardo Gottems

No estado do Rio Grande do Sul, os preços caem mais R$ 2,00/saca em Santa Rosa, enquanto as tradings retornam, de acordo com informações divulgadas pela TF Agroeconômica. “Os preços de pedra se mantiveram nos níveis de ontem a R$ 159,00, estando R$ 2,00/saca acima dos valores de semana passada. Os movimentos de hoje mostraram altas mais amenas para a soja em Chicago, que subiu +0,34%, com o farelo indo a +0,64% e o óleo de soja continuando sua perda recuando mais 1,06%. Ademais, segundo a Conab, o clima chuvoso em outubro atrasou um pouco o plantio, ocorrendo em algumas regiões encharcamento do solo, ventos fortes e granizo, com a necessidade de replantio em algumas áreas”, comenta. 

Em Santa Catarina os preços permanecem estáveis, sem nada de negócios. “Mercado  segue  nos  níveis  anteriores,  sem  mais indicações  ou  negócios  ocorrendo.  Esta  semana  foi perdida para Santa Catarina. Até o momento, se sabe que  os  negócios  não  andam  há  tempos,  mas,  na semana passada, ao menos pequenos volumes foram negociados, hoje nada. O  produtor geralmente está mais atento aos campos, anseia por volumes sendo vendidos a R$ 180,00, mas não vê nada nem próximo a isso”, completa. 

No Paraná, Paranaguá passa por alta de R$ 3,00/saca, negócios continuam parados. “Paraná  segue  sem  novos  negócios,  com  os  preços finalmente  passando  por  um  retorno  e  subindo  R$ 3,00/saca no porto de Paranaguá. Embora as altas do dia tenham  trazido  um bom  sinal, pois o  retorno foi considerável,  os  valores  atuais  seguem  longe  das ideias do produtor que deseja preços de R$ 180,00/saca. Além disso, segundo a Conab, no Paraná, o clima mais seco em  novembro  permitiu  o  avanço  quase  total  da  semeadura”, indica. 

 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.