Soja no internacional: preços levemente em alta
CI
Imagem: Divulgação
MERCADO

Soja no internacional: preços levemente em alta

Na origem, os prêmios de base brasileira aumentaram
Por: -Leonardo Gottems

A soja manteve os seus preços levemente em alta no mercado internacional, de acordo com informações que foram divulgadas pela TF Agroeconômica. “Os mercados externos deram apoio aos preços da soja, nesta quarta-feira, com o petróleo subindo para recuperar parte das perdas vistas depois que a OPEP + chegou a um acordo para impulsionar a produção e o dólar americano perdendo algum ímpeto, já que o nível de incerteza - conforme medido pelo índice VIX - foi corrigido para baixo após a queda acentuada de terça-feira caminhada”, comenta. 

“Na Argentina,  os  agricultores  venderam  pouco  mais de  660.000  toneladas  de  soja  da  safra  velha  na semana  até  14  de  julho  e  solicitaram  volumes equivalentes  a  uma  carga  (66.000  tons)  em  licenças de  exportação,  informou  o  ministério  da  agricultura do país nesta quarta-feira. O  ministério  argentino  também  informou  que  o  país moeu 4,0 milhões de toneladas de soja em junho,  6% a menos no mês e  11% a mais no ano, com o volume total moído no primeiro semestre 16% acima dos níveis do ano anterior”, completa. 

Na origem, os prêmios de base brasileira aumentaram com a crescente demanda à vista dos compradores da China com os contratos de setembro no mercado de papel de Paranaguá subindo 11c / bu no dia para $ 1,23 / bu sobre os futuros de setembro. “Na Argentina, os prêmios de base FOB permaneceram firmes em meio às compras ativas da China, com as cargas de setembro  avaliadas  em  78c  /  bu  sobre  o  futuro subjacente, alta de 2c / bu no dia. Enquanto isso, os prêmios foram mistos nos EUA, com os embarques de agosto caindo ligeiramente para 75 c / bu em relação aos futuros de agosto com base no CIF USG”, indica. 

“Em uma base CIF China, o complexo de soja na Bolsa de  Mercadorias  de  Dalian  ficou  quase  estável  na quarta-feira,  enquanto  as  margens  de esmagamento permaneceram em território negativo. Rumores  que  circulam  pelo  mercado  citam  que  duas cargas do  Brasil  compradas  ontem  para o  embarque de  setembro  foram  negociadas  a  310c  /  b  sobre  o novembro futuro”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.