Soja no pico de escoamento no RS

Agronegócio

Soja no pico de escoamento no RS

Por:
395 acessos

O movimento de caminhões na BR 392, tanto na área do Superporto quanto na direção dos terminais portuários, tem sido intenso nos últimos dias devido ao escoamento da safra de soja. Por volta das 11h30min de nessa quarta-feira, enquanto dezenas de caminhões entravam na Tergrasa, na BR 392, em frente ao Posto Buffon, outras dezenas formavam fila de mais de 1 quilômetro para ingressar no pátio de estacionamento deste posto. Pela manhã, 155 entraram no estacionamento – a maioria com soja –, e 178 saíram para o Porto.

O local é utilizado pelos caminhoneiros para ficarem durante o intervalo entre a chegada do interior do Estado com a carga e o horário marcado para descarga, pois há mais segurança e condições mais confortáveis. O escoamento da soja começou no final de março e o pico se dá até o final deste mês. Em média, cada caminhão transporta 34 toneladas do grão.

Conforme o diretor-superintendente da CCGL Termasa-Tergrasa, Guillermo Dawson Jr., a expectativa é de uma safra de 8 a 8,5 milhões de toneladas do grão. Ele afirma que há bom movimento de navios para a exportação do produto. Pelo Complexo Termasa/Tergrasa, segundo ele, já foram exportadas 280 mil toneladas neste mês. Além de soja, estão chegando ao Porto de Rio Grande arroz, milho e trigo. Dawson Jr. diz que, apesar do grande movimento de caminhões, não tem havido tumulto, pois o sistema de agendamento de envio de cargas disponível via Internet está funcionando bem.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink