Soja sobe cerca de R$ 1,00: VEJA
CI
Imagem: Divulgação
COTAÇÕES

Soja sobe cerca de R$ 1,00: VEJA 

O mercado segue se movimentados após passar por pequena valorização no estado de Santa Catarina
Por: -Leonardo Gottems

Os preços da soja no Rio Grande do Sul só não subiram mais, na esteira das altas de Chicago e do dólar, porque os preços dos fretes também subiram muito, de acordo com informações que foram divulgadas pela TF Agroeconômica. Por isso, os volumes vendidos seguem apenas no essencial, em torno de 5.000 toneladas. 

“Os preços de pedra Panambi, tal como o mercado de lotes foram cotados em R$1,00 a mais do  que  as  últimas  indicações.  A  comercialização  está  andando  em  torno  de  2,7%  ao  mês  para  todo  o  Brasil,  um desenvolvimento lento, abaixo das médias  históricas”, comenta a consultoria. 

O mercado segue se movimentados após passar por pequena valorização no estado de Santa Catarina. “Finalmente  alguns  volumes  de  soja  estão  saindo  com  maior  frequência  em  Santa  Catarina.  Os  valores  de  hoje contaram com mais uma alta, esta que por sua vez veio como soma de Chicago e dólar. Anteriormente os volumes estavam sendo pedidos a R$170,00, mas sem negócios, hoje, no entanto, cerca de 1.200 toneladas foram negociadas a R$172,00. Com o milho sem compradores, o foco volta a estar na soja guardada”, indica. 

Já no Paraná os futuros ganham força. “O  mercado  de  lotes  paranaense  ainda  se  vê  muito abandonado,  com  demanda  presente,  mas problemas  de  oferta.  A  região  de  Ponta  Grossa contou  com  um  considerável  aumento  de R$3,00/saca nos preços e marcou um bom potencial de gerar interesse. Paranaguá por outro lado, caiu em mais  R$1,00,  isso  mostra  que  nem  mesmo  em  um mesmo  Estado  os  agentes  mercadológicos respondem de forma ideal, as  diferenças  devem  ser  atribuídas em  especial  a  demanda. Os os  volumes saídos hoje foram apenas pontuais”, completa. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.