Sojicultores argentinos conhecem novas cultivares

Agronegócio

Sojicultores argentinos conhecem novas cultivares

A jornada foi organizada pela empresa de sementes Don Mario e reuniu duas mil pessoas
Por: -Giuliano
85 acessos

Com a atenção voltada para a próxima safra de grãos na Argentina, produtores e técnicos se reuniram esta semana em Pergamino para discutir os temas principais do cultivo de soja e conhecer as últimas novidades para alcançar os melhores rendimentos. A jornada foi organizada pela empresa de sementes Don Mario e reuniu duas mil pessoas que observaram aspectos como o ambiente, as práticas de manejo, a nutrição e a sanidade.

“Em 1988 apresentamos nossa primeira variedade de soja (a DM49)“, lembrou Gerardo Bartolomé, presidente da Don Mario. “Nove anos depois começamos a realizar as jornadas de pergamino. Algumas mudanças importantes ocorreram na soja (os RR foram emitidos) e acreditamos que é importante acompanhar os cultivos com técnicas de manejo para melhorar a relação genótipo-ambiente”, apontou.

A reunião seguiu com um painel conduzido por Rodolfo Gil, da INTA Castelar. Gil chamou a atenção para utilizar indicadores que ajudam a diagnosticar a qualidade do solo (profundidade, textura, capacidade de armazenamento, densidade, porosidade, infiltração e conteúdo de matéria orgânica, junto com as observações biológicas como o desenvolvimento de raízes e biomassa) de maneira integrada.

“O grande desafio de uma agricultura sustentável é combinar, através do manejo, a genética vegetal com o clima e o solo. Para isso, é necessário contar com a informação detalhada e quantificada, e logo após interpretá-la”, adverte Gil. As notícias são do E-campo.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink