Tempo seco na Austrália voltou a dar o tom dos negócios com o trigo no mercado futuro

Agronegócio

Tempo seco na Austrália voltou a dar o tom dos negócios com o trigo no mercado futuro

Na bolsa de Chicago, os contratos com vencimento em dezembro subiram 8 centavos de dólar, para US$ 5,0675 por bushel
Por:
599 acessos

Receio com a Austrália. A preocupação com o tempo seco na Austrália, quarto maior país exportador de trigo do mundo, voltou ontem a dar o tom dos negócios com o cereal no mercado futuro. Na bolsa de Chicago, os contratos com vencimento em dezembro subiram 8 centavos de dólar, para US$ 5,0675 por bushel. Em Kansas, os papéis que também vencem em dezembro avançaram 6,5 cents, para US$ 5,27 por bushel. Segundo as novas previsões, informou a Bloomberg, partes dos Estados de Queensland, Nova Gales do Sul, Austrália do Sul, Victoria e Tasmânia têm menos de 40% de chances de registrar chuvas acima da média entre setembro e novembro. No Paraná, a saca de trigo de 60 quilos saiu por R$ 25,14, na média, uma queda de 0,04%, segundo o Departamento de Economia Rural (Deral).


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink