Tendências mundiais para soja reveladas em agosto

Agronegócio

Tendências mundiais para soja reveladas em agosto

Por:
1315 acessos
Restando menos de 50 dias para o pontapé inicial da nova safra brasileira de grãos, os analistas do mercado futuro já começam a projetar os novos cenários. Como se planejar frente ao redimensionamento de compras pela China? A que patamares o dólar deve chegar? Os Estados Unidos continuarão ampliando a produção de milho em detrimento da soja? A Argentina conseguirá apenas em um ciclo recuperar sua posição de mercado? O Brasil conseguirá ultrapassar os EUA nas exportações de soja em dez anos?


Para responder a esse tipo de questionamentos, a Bienal dos Negócios da Agricultura, evento realizado pela Federação de Agricultura e Pecuária de Mato Grosso (Famato) de 19 a 21 de agosto em Cuiabá, traz de maneira inédita para o Estado um painel com analistas dos países com maior destaque no mercado de commodities atualmente: Estados Unidos, Brasil e Argentina. O objetivo é mostrar as tendências de médio e longo prazos para a comercialização.


O assunto será debatido durante praticamente toda a manhã do dia 20 de agosto no painel “Mercado de Commodities pós crise mundial – Previsões de safras e preços”. Participam como debatedores o analista brasileiro André Pessoa, da Agroconsult, o analista norte-americano Darin Newson, da DTN/The Progresive Farmer, e o analista argentino Pablo Adreani, da AgriPAC. A mediação será conduzida pelo jornalista João Batista Olivi, do Terra Viva.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink