Terraços viram fazendas em Cingapura
CI
Imagem: Pixabay
ALTERNATIVAS

Terraços viram fazendas em Cingapura

Serão usados estacionamentos
Por: -Leonardo Gottems

Carros estacionados em Cingapura serão as principais testemunhas da agricultura do futuro. Recentemente, a Singapore Food Agency (SFA) concedeu seis licitações para a instalação de nove fazendas urbanas em telhados de prédios em estacionamentos da cidade. 

Cinco das “fazendas” serão construídas nos terraços dos edifícios de estacionamento do Conselho de Habitação, enquanto as restantes quatro serão instaladas em dois grupos de dois cada. Os contratos são de três anos. O lance mais alto, com um preço de aluguel anual de $ 90.000, foi concedido à IT Meng Landscape and Construction para construir duas fazendas em Jurong West, abrangendo 3.311 metros quadrados (três quintos de um campo de futebol) e 2.974 metros quadrados, respectivamente. 

O CEO da SFA, Lim Kok Thai, disse que "as propostas de licitantes bem-sucedidos incluíam sistemas de cultivo hidropônico e vertical com uma variedade de recursos inovadores, como IoT (Internet das Coisas), tecnologia blockchain e controle automatizado do clima”. E acrescentou que “com esses sistemas agrícolas, as fazendas têm potencial para produzir coletivamente cerca de 1.600 toneladas de vegetais por ano” 

“Esperamos ver os telhados desses estacionamentos de vários andares transformados em fazendas de hortaliças produtivas que contribuirão para a meta de Cingapura de '30 por 30 '. Em referência à meta de Cingapura de autossuficiência para 30% das necessidades nutricionais do país até 2030”, completa. 

Phoebe Xie, diretora e cofundadora da empresa local de tecnologia urbana AbyFarm, foi uma das seis que concorreram com sucesso pelas vagas de estacionamento na cobertura. Com a cobertura de 3.171 metros quadrados de Ang Mo Kio, a empresa espera iniciar a construção da fazenda nos próximos meses e ter seu lançamento previsto para o primeiro semestre do próximo ano. 

Utilizando a combinação dos métodos de cultivo vertical com a tecnologia hidropônica e aeropônica, espera-se atingir um consumo 90% menor de água e uma produtividade 10 vezes maior, em comparação aos métodos tradicionais. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink