Trigo: preços continuam sem direção definida

Trigo

Trigo: preços continuam sem direção definida

A baixa liquidez em São Paulo e em Santa Catarina pressiona os valores
Por:
97 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

Pesquisas do Cepea indicam que as cotações de trigo seguem sem direção definida no mercado brasileiro. Estados como Minas Gerais e Mato Grosso do Sul registram valorização do produto, com sustentação da menor oferta no Sul do País, especialmente do Rio Grande do Sul.

Por outro lado, também conforme indicam pesquisadores do Cepea, a baixa liquidez em São Paulo e em Santa Catarina pressiona os valores.

No Paraná, as oscilações são leves, refletindo as negociações apenas pontuais. Nos Estados Unidos, por outro lado, os valores estão em alta desde o início deste ano, favorecidas pelas recentes desvalorizações do dólar, que tornam o produto norte-americano mais competitivo no mercado externo. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink