Trigo gaúcho recua e se torna competitivo em SC
CI
Imagem: Marcel Oliveira
MERCADO

Trigo gaúcho recua e se torna competitivo em SC

“O mercado já estava virtualmente trancado"
Por: -Leonardo Gottems

Os preços do trigo no mercado do Rio Grande do Sul, recuaram forte para R$ 1.330,00/t no interior ou R$ 1.380 CIF moinhos, segundo informações divulgadas pela TF Agroeconômica. Nesse cenário, o estado deverá comprar cerca de 300/400 mil tons de trigo importado para completar as suas necessidades, das quais já negociou 120 mil, que deverão começar a chegar em dezembro.

“O mercado já estava virtualmente trancado, com os moinhos abastecidos para o curto prazo e com importações chegando a médio prazo ficando fora de mercado ou colocando preços de no máximo cinquenta reais abaixo do que os vendedores pedem. Por outro lado,  os agricultores estão com altos estoques acumulados e alguns precisam vender para pagar as contas do trigo que vencem em dezembro (embora esta não seja a melhor estratégia, como já mostramos aqui”, indica.

Em Santa Catarina, o trigo gaúcho pode ser competitivo, dependendo do frete. “Com a colheita bastante avançada, o trigo local é a melhor pedida, nos próximos 30/45 dias, para os moinhos catarinenses. Depois deste período haverá necessidade de adquirir mercadoria de fora, não sendo descartada a importação de trigo argentino (no Leste) e paraguaio (no Oeste), mas, neste caso, os preços serão menores”, comenta.

“Veja-se o exemplo desta quinta-feira, em que o real caiu quase ao seu nível mais baixo dos  últimos 2 meses e, mesmo assim, o preço do trigo importado ficou 7,30% acima do preço do trigo local. Vendedores baixaram um pouco as pedidas, para algo ao redor de R$ 1.450,00, mas os moinhos estão abastecidos e decidiram esperar aumentar o volume das ofertas para voltarem a se posicionar”, conclui.
 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink