Triticultor do RS quer plantar "sob encomenda"

Agronegócio

Triticultor do RS quer plantar "sob encomenda"

A Farsul questionará hoje ao Ministério da Agricultura se há interesse do governo federal no plantio de trigo
Por:
1 acessos

Triticultores, representantes de cooperativas gaúchas e dirigentes da Farsul discutiram ontem (05-05) na Exposição Feira de Soledade (Exposol) no município, medidas para viabilizar o plantio da próxima safra de trigo e ainda honrar dívidas com os fornecedores quanto ao plantio passado. Conforme destacou o presidente da Farsul, Carlos Sperotto, a entidade questionará hoje ao Ministério da Agricultura (Mapa) se há interesse do governo federal no plantio da cultura no país.

"Será trigo sob encomenda. Estaremos inquerindo ao Mapa que se manifeste quanto ao plantio para programarmos a semeadura. Vamos questionar quanto à quantidade desejada e preço mínimo a ser pago", citou, observando que o custo de produção está valorizado em R$ 29,00, o preço mínimo do governo estipulado em R$ 24,00, e o produtor recebendo R$ 18,00 pela saca.

Outro pleito repassado aos dirigentes do Banco do Brasil (BB) presentes na Exposol, como o diretor de agronegócios do BB, Dercí Alcantara, e o superintendente estadual do BB no RS, Valmir Rossi, foi o pedido de alongamento progressivo das dívidas de custeio a vencer após março. Segundo o gerente de agronegócios do BB no RS, José Kochhann Sobrinho, o setor foi orientado a enviar requerimento ao Mapa que encaminhará proposta ao Conselho Monetário Nacional (CMN). Kochhann lembrou que foram tomados R$ 250 milhões para o custeio do plantio do trigo no Estado em 2004, mas "que já houve prorrogação das parcelas vencidas entre dezembro e março para o período entre junho e agosto".

Sperotto destacou decisão que poderá vir do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), no dia 11, em Brasília, sobre débito de R$ 2 bilhões dos produtores.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink