União Européia cancela registro do herbicida atrazina
CI
Agronegócio

União Européia cancela registro do herbicida atrazina

Por:

A União Européia cancelou o registro da atrazina, herbicida usado em larga eslaca também nos Estados Unidos e Brasil. O motivo principal é a contaminação das águas do subsolo. Alguns países europeus já haviam banido o produto, entre eles França, Dinamarca, Alemanha, Noruega e Suécia.

Desde 2002 a atrazina vem sendo duramente atacada. Um estudo mostrou relação entre o produto e anormalidades sexuais em sapos; outro, o aumento do número de casos de câncer de próstata entre trabalhadores envolvidos no processo de produção da atrazina. A Syngenta, fabricante do produto na Europa, pronunciou-se em nota oficial alegando ser o produto seguro e enfatizando a sua importância para os agricultores.

Já o Paraquat, outro herbicida da Syngenta, saiu-se melhor na luta pela sobrevivência: continuou aprovado para uso na União Européia. Apesar disso, haverá pressão de ambientalistas para que a empresa deixe de fabricar o produto.

As informações são da Pesticide Action Network North America.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink