União Europeia movimenta mercado do México

NEGOCIAÇÕES

União Europeia movimenta mercado do México

Situação se dá por um acordo que anula alguns impostos
Por: -Leonardo Gottems
107 acessos

A União Europeia acabou se tornando um dos mercados com maior interesse para o México e, ao mesmo tempo, para a América Latina.  Uma das razões mais importantes é o acordo comercial entre a União Europeia e o México, que permitiu que os bens entre os dois países, incluindo os do setor agrícola, fossem isentos de “direitos aduaneiros”. 

De acordo com o consultor de alimentos de Michoacán, Jaime Galvan, "o México precisa projetar na União Europeia uma imagem de marca verdadeira, permitindo uma melhor posição para a produção agroalimentar mexicana na UE. Para isso, será essencial que tanto a administração como os operadores do setor invistam economicamente para realizar uma forte campanha promocional em território europeu ". 

No mesmo contexto, a diretora da empresa de consultoria de Agronegócio e Agro Estratégias de Marketing Innova, Anahí Casillas Angeles Godinez, também observa que "embora se destina apenas entre 5% e 6% de nossas exportações para a Europa, é um mercado muito interessante para os nossos produtos, e onde temos grandes possibilidades de desenvolvimento e crescimento ". 

Para o engenheiro agrônomo e diretor do Ingenioo Studio, Javier Botía Yáñez, especializada em consultoria agronegócios internacionais, "é claro que a produção de abacates de diferentes países da América Latina estão crescendo nos Estados Unidos, como no caso do Peru ou Colômbia, por isso é vital que os produtores mexicanos apostem em mercados como a Europa, onde eles têm boas oportunidades de desenvolvimento tanto no centro quanto nos países do norte " 

Além disso, o consultor espanhol reconhece que "o México oferece produtos de alta qualidade com um alto nível de segurança alimentar, embora não é o fator de logística, mas é uma questão de superação, porque uma vez que estes foram aumentados os embarques para a Europa, a cotações de transporte aéreo podem ser muito mais competitivas e interessantes”.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink