Vacinação contra aftosa termina em 31 de maio no Distrito Federal

Agronegócio

Vacinação contra aftosa termina em 31 de maio no Distrito Federal

Região soma pouco mais de 100 mil cabeças
Por:
1781 acessos
Rebanho de bois e búfalos está sendo vacinado desde o dia 1º. Região soma pouco mais de 100 mil cabeças

Mais de 100 mil bois e búfalos criados no Distrito Federal devem ser imunizados contra a febre aftosa entre os dias 1º e 31 de maio. Os pecuaristas de 2.668 propriedades rurais da região têm todo o mês para aplicar a vacina nos animais.

Nos últimos anos, os índices de vacinação no DF superaram os 98%, informa o chefe substituto do Serviço de Inspeção, Sanidade e Fiscalização Animal (Sifisa), da Superintendência Federal de Agricultura no Distrito Federal, Luiz Cláudio Coelho. “A meta para a campanha de maio de 2011 é alcançar 100% do rebanho vacinado”.


O chefe substituto do Sifisa explica que o percentual de vacinação alcançado na etapa de novembro de 2010 foi de 94,6%, até dia 1° de janeiro. “Após trabalhos de conscientização e fiscalização conseguimos alcançar, até o momento, 98,1%”, justifica Coelho. No DF, a divulgação da campanha é feita por meio de panfletos e folders explicativos sobre a doença e esclarecimentos a respeito da importância da vacinação. O material é distribuído nas lojas revendedoras de vacinas, nas comunidades rurais e em eventos agropecuários. Além disso, são veiculadas propagandas em jornais, rádios e televisão.


O Distrito Federal é classificado como área livre de febre aftosa com vacinação, assim como a maior parte dos estados brasileiros (Veja mapa). A vacinação dos animais é essencial para continuar com esse status. “O perigo maior encontra-se no trânsito de animais provenientes de outros estados que passam obrigatoriamente por nossas rodovias”, destaca Luiz Coelho. O último caso de febre aftosa na região foi registrado em 1993.


A declaração de que o rebanho foi vacinado deverá ser entregue nos Núcleos de Bases Operacionais da Secretaria de Agricultura do DF ou no estabelecimento de aquisição da vacina no prazo máximo de 15 dias após o encerramento da campanha, 31 de maio, juntamente com a Nota Fiscal de compra da vacina.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink