Venda da Milenia tem etapa de negociação concluída

Agronegócio

Venda da Milenia tem etapa de negociação concluída

O grupo acionista majoritário, assinou acordo de aquisição pela China National Chemical Corporation
Por: -Mariana Fabre
3094 acessos

O grupo Koor Industries, controlador da Makhteshim Agan, acionista majoritário da Milenia Agrociências, assinou acordo de aquisição pela China National Chemical Corporation, conhecida como ''ChemChina''. De acordo com o diretor de Recursos Humanos da Milenia, Tarciso Bonachela, o acordo foi aprovado pelo conselho administrativo da Makhteshim Agan no início deste mês, mas ainda precisa passar pela aprovação dos demais acionistas e das autoridades regulatórias da China e de Israel.

''As negociações estão caminhando, mas ainda há etapas a se fazer. A conclusão das negociações está prevista para o final do segundo ou início do terceiro trimestre deste ano'', esclarece Bonachela. Segundo ele, o acordo aprovado nessa primeira fase das negociações determina que a Makhteshim Agan se tornaria uma empresa privada, com 60% de suas ações pertencendo a ChemChina e 40% à Koor Industries.

''As negociações avançaram positivamente. Aparentemente ambos os lados estão interessados'', avalia Tarciso Bonachela. O diretor de RH da Milenia Agrociências explica que a negociação envolveria a compra, por parte da ChemChina, das ações públicas e de parte das ações da Koor na Makhteshim Agan.

''A ChemChina seria a majoritária, mas o acordo está sendo elaborado no sentido de que a gestão dos negócios continuará sendo feita pela Makhteshim Agan'', afirma Bonachela, esclarecendo que as decisões envolvendo a Milenia Agrociências continuarão sendo tomadas pela Makhteshim.

Demissões

Dando sequência ao processo de reestruturação e remodelação da empresa, a Milenia Agrociências anuncia que no início de fevereiro fará um corte no quadro de funcionários de sua unidade em Taquari-RS. O volume de demissões não foi informado, mas Tarciso Bonachela garante que a unidade não será fechada. Segundo ele, a medida não está relacionada às negociações entre Koor Industries e ChemChina envolvendo a acionista majoritária da Milenia. ''A decisão faz parte das remodelação estrutural da empresa em seu intuito de se tornar mais saudável financeiramente. Mas não há relação com as negociações'', declara.

Em novembro do ano passado, a Milenia demitiu mais de 150 funcionários de sua unidade em Londrina, utilizando a mesma justificativa. Na ocasião, a medida afetou colaboradores de todos os escalões da empresa.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink