Vendedor de trigo se mantém retraído
CI
Imagem: Pixabay
PREÇOS EM ALTA

Vendedor de trigo se mantém retraído

Agentes da indústria moageira seguem adquirindo lotes pontuais
Por: -Aline Merladete

A retração de vendedores, a postura mais ativa de compradores e o dólar elevado, que encarece as importações, mantiveram os preços do trigo em alta no Brasil em outubro. Segundo pesquisadores do Cepea, agentes da indústria moageira seguem adquirindo lotes pontuais de trigo e muitos já mostram dificuldades em repassar os atuais custos elevados do cereal aos derivados (farinhas e farelos).

Conforme o evantamento do Cepea, em outubro, o valor médio do trigo no mercado disponível (negociações entre empresas) no Paraná foi de R$ 1.286,02/tonelada, aumento expressivo de 11% frente ao de setembro e 54,5% acima do verificado em outubro/19, em termos nominais. Para o Rio Grande do Sul, a média foi de R$ 1.221,10/t, elevações de 1,9% em relação à de setembro e de 63,6% frente à de outubro/19. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink