Nematóide das galhas (Meloidogyne paranaensis)
CI

Nematóide das galhas

(Meloidogyne paranaensis)

Culturas Afetadas:

Café, tabaco, tomate e melancia.

Este nematóide foi reportado apenas no Brasil. A fêmea de Meloidogyne paranaensis possui um padrão perineal cuticular retangular ou oval com arco dorsal alto semelhante ao de M. incognita. Técnicas bioquímicas fornecem a abordagem mais confiável para a separação desta espécie de M. incognita e outros nematóides das galhas do cafeeiro.

Sintomas

Esse nematóide de galho possui hábitos endoparasitários sedentários. Os juvenis de segundo estágio (J2) no solo penetram nas raízes do hospedeiro, onde estabelecem um local de alimentação especializado (células gigantes) na estela. Conforme J2 se desenvolve, elas se tornam fêmeas inchadas, que produzem massas de ovos saindo da superfície da raiz. Raízes infectadas por nematóides exibem sintomas de rachadura e cisão sem galhas evidentes. Declínio, dieback de cafeeiros e supressão de até 50% estão associados à infecção por nematóides no Brasil onde os danos ocorridos no café no estado do Paraná foram atribuídos erroneamente a M. incognita. A dispersão ocorre através de material radicular, detritos do solo e material vegetal propagativo de raízes expostas infectadas.

Levando em consideração o dano econômico e a ampla distribuição deste nematóide no Brasil, e sua variedade de hospedeiros, este nematóide recebeu uma classificação de prioridade moderada.

Controle

Recomenda-se o uso de produtos registrados para as culturas.

Fotos



Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.