Tripes-da-mandioca (Scirtothrips manihoti)
CI

Tripes-da-mandioca

(Scirtothrips manihoti)

Culturas Afetadas: Mandioca

Sinônimo: Euthrips manihoti

Os tripes são diminutos insetos (1,0 a 1,5 mm) que causam danos, raspando as folhas e succionando o conteúdo celular, quando este extravasa. Dependendo das condições climáticas, os tripes completam seu ciclo em 15 a 30 dias, podendo fazer de cinco a oito gerações por ano.

Danos: Os danos desses insetos são evidenciados nas regiões apicais da planta (brotações novas) e caracterizam-se por pequenas manchas cloróticas nas folhas, má formação e encarquilhamento das mesmas, redução significativa na área foliar do ponteiro apical. Em alguns casos provocam quebra de dominância apical, surgindo brotações laterais, o que resulta na redução da área fotossintética. Em ataques severos, observa-se um desfolhamento intenso na parte mediana e basal da planta, podendo chegar à parte apical. 

Controle: Recomenda-se o uso de monitoramento da população do inseto e o uso de produtos defensivos registrados para a cultura.

Fotos

Produto Produto Empresa Ingrediente Ativo
Delegate Delegate Dow AgroSciences Espinetoram