Bula Glyphotal WG - UPL
CME MILHO (SET/20) US$ 3,076 (-1,22%)
| Dólar (compra) R$ 5,42 (1,47%)

Bula Glyphotal WG

Glifosato
10715
UPL

Composição

Glifosato 792,5 g/kg
Equivalente ácido de Glifosato 720 g/kg

Classificação

Terrestre/Aérea
Herbicida
5 - Produto Improvável de Causar Dano Agudo
III - Produto perigoso
Não inflamável
Não corrosivo
Granulado Dispersível (WG)
Não seletivo, Sistêmico

Algodão

Calda Terrestre Dosagem
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Ipomoea grandifolia (Corda de viola)
Panicum maximum (Capim colonião)
Sida rhombifolia (Guanxuma)

Arroz

Calda Terrestre Dosagem
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Ipomoea grandifolia (Corda de viola)
Panicum maximum (Capim colonião)
Sida rhombifolia (Guanxuma)

Café

Calda Terrestre Dosagem
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Ipomoea grandifolia (Corda de viola)
Panicum maximum (Capim colonião)
Sida rhombifolia (Guanxuma)

Cana-de-açúcar

Calda Terrestre Dosagem
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Ipomoea grandifolia (Corda de viola)
Panicum maximum (Capim colonião)
Saccharum officinarum (Cana de açúcar)
Sida rhombifolia (Guanxuma)

Citros

Calda Terrestre Dosagem
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Ipomoea grandifolia (Corda de viola)
Panicum maximum (Capim colonião)
Sida rhombifolia (Guanxuma)

Eucalipto

Calda Terrestre Dosagem
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Eucalyptus spp (Eucalipto)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Ipomoea grandifolia (Corda de viola)
Panicum maximum (Capim colonião)
Sida rhombifolia (Guanxuma)

Milho

Calda Terrestre Dosagem
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Ipomoea grandifolia (Corda de viola)
Panicum maximum (Capim colonião)
Sida rhombifolia (Guanxuma)

Pinus

Dosagem Calda Terrestre
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Ipomoea grandifolia (Corda de viola)
Panicum maximum (Capim colonião)
Sida rhombifolia (Guanxuma)

Soja

Calda Terrestre Dosagem
Bidens pilosa (Picão preto)
Brachiaria decumbens (Capim braquiária)
Brachiaria plantaginea (Papuã)
Cenchrus echinatus (Capim carrapicho)
Digitaria horizontalis (Capim colchão)
Echinochloa crusgalli (Capim arroz)
Euphorbia heterophylla (Amendoim bravo)
Ipomoea grandifolia (Corda de viola)
Panicum maximum (Capim colonião)
Sida rhombifolia (Guanxuma)

Big-bag Polietileno - 200; 500; 1000; 1200 kg
Caixa Papelão - 1.0: 5.0 kg
Frasco Polietileno - 0.5; 1.0 kg
Saco Aluminizado - 0,5; 1; 5; 10; 20 kg
Saco LDPE / alumínio / PET - 0,5; 1,0 kg
Saco hidrossolúvel - 0,05; 0.1; 03; 1,0 kg
Saco multifolhado (Plástico/Papel) - 0.1; 0.5; 1; 5; 10,20 Kg
Saco Plástico / Papel - 1,0; 5,0 kg
Saco Papelão - 0,05; 0,1; 1,0; 5 kg.

INSTRUÇÕES DE USO

GLYPHOTAL WG é um herbicida sistêmico de ação total. O produto é absorvido via foliar e penetra na cutícula por difusão, a translocação é sistêmica com preferência pelo floema tanto para as folhas e meristemas aéreos, como para os subterrâneos.
É recomendado para o controle em pós-emergência de plantas infestantes nas seguintes situações:
• Aplicação na pós-emergência da cultura e das plantas daninhas para capina química das culturas de café, citros e cana-de-açúcar.
• No controle de plantas daninhas em aplicação de área total no pré-plantio da cultura e na pós emergência das plantas daninhas para o plantio direto de algodão, arroz, milho e soja.
• Na capina química para erradicação de vegetação em aplicações de pré-plantio e nas entrelinhas em jato dirigido
das culturas de pinus e eucalipto.
• Tem recomendação também na rebrota do Eucalipto para renovação de área de plantio.
• Para erradicação de soqueira na cultura da cana-de-açúcar.
• Aplicação em área total, em pós-emergência da soja geneticamente modificada tolerante ao glifosato em áreas de plantio direto ou convencional.

CULTURAS:
Algodão, Arroz, Café, Cana-de-açúcar, Citros, Milho, Pinus, Eucalipto e Soja.

MODO DE APLICAÇÃO

Diluir a dose de GLYPHOTAL WG, indicada para cada situação, em água e pulverizar sobre as espécies a serem controladas. A aplicação poderá ser feita utilizando-se equipamentos aéreos ou terrestres.
Armazenar e manusear apenas em recipientes plásticos, fibra de vidro, alumínio ou aço inoxidável. Não armazenar a solução herbicida em recipientes de ferro galvanizado, ferro ou aço comum.

Recomendação Geral:
Aplica-se em faixa, área total ou coroamento, carreadores, curva de nível, ou então, somente onde houver manchas de mato, tomando-se o necessário cuidado para não atingir as partes verdes das plantas úteis (folha, ramos ou caule jovem). No caso da soja geneticamente modificada tolerante ao Glifosato seguir as recomendações de aplicação indicadas. A eficiência do produto é visualizada entre o 4º e o 10º dia após o tratamento.

Equipamentos Terrestres:
A aplicação pode ser feita com pulverizadores de barra com bicos adequados à aplicação de herbicidas, com pressão entre 20 a 40 Lb/pol², utilizando-se um volume de água entre 50 a 250 litros/ha. Para aplicação com pulverizadores costais manuais, verificar as doses por 100 L de água e vazão aproximada de 200 L/ha. No caso de soja geneticamente modificada tolerante ao Glifosato deve ser utilizado um volume de calda de 120 L/ha. Em todas as situações, observar que esteja ocorrendo uma boa cobertura da área foliar.

Equipamentos Aéreos:
Barra com bicos para aeronaves de asa fixa - Ipanema de qualquer modelo.
Volume de calda de 20 a 40 L/ha, altura de voo de 3 a 5 m acima do topo da cultura, com faixa de deposição com 15m de largura e tamanho de gotas entre 200 a 600 micra.
Densidade mínima de gotas de 20 a 40 gotas/cm².
Bicos de pulverização: bicos de jatos cônico ou leque que permitam uma vazão ao redor de 20 a 40 L/ha de calda (D10-45, D7-46, 80- 10, 80- 15) e produzam gotas com DMV para as condições de aplicação e regulagem entre 200 a 600 micra com uma deposição mínima ideal de 20 gotas/ cm² sem escoamento na folha.
Em aviões tipo Ipanema, usa-se de 37 a 42 bicos na asa, sendo que normalmente para se evitar problemas de vórtices de ponta de asa, fecha-se ao redor de 3 bicos em cada raiz de asa e 2 bicos na barriga no pé direito e 1 no pé esquerdo. Dependendo da altura de voo, da aeronave, do tipo de asa e posição de barra esta configuração pode- se alterar. A angulação destes bicos na barra aplicadora vai ser determinante na configuração final do DMV da gota formada.
Condições Climáticas:
Temperatura máxima: 28ºC
Umidade relativa mínima: 55%
Velocidade do vento máx.: 10 km/h (3 m/s)
Em caso de dúvidas ou mudança de aeronave, realizar testes de campo com papel sensível, ou consultar empresa aplicadora ou o departamento técnico da UPL DO BRASIL INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE INSUMOS AGROPECUÁRIOS S.A.

INTERVALO DE SEGURANÇA

Algodão, Arroz e Cana-de-açúcar: Intervalo de segurança não determinado devido à modalidade de emprego;
Café: 15 dias;
Citros: 30 dias;
Eucalipto e Pinus: Uso não alimentar;
Milho: O intervalo de segurança para a cultura do milho é não determinado quando o agrotóxico for aplicado em pós- emergência das plantas infestantes e pré-emergência da cultura.
Soja: O intervalo de segurança para a cultura da soja é não determinado quando o agrotóxico for aplicado em pós- emergência das plantas infestantes e pré-emergência da cultura. O intervalo de segurança para a cultura da soja geneticamente modificada, que expressa resistência ao glifosato, é de 56 dias, quando o agrotóxico for aplicado em pós-emergência das plantas infestantes e da cultura.

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS

Não entre na área em que o produto foi aplicado antes da secagem completa da calda (no mínimo 24 horas após a aplicação). Caso necessite entrar antes desse período utilize os equipamentos de proteção individual (EPI’s) recomendados para o uso durante a aplicação.

LIMITAÇÕES DE USO

Durante a aplicação em jato dirigido, deve-se evitar que a solução herbicida atinja as partes das plantas úteis. GLYPHOTAL WG não danifica as plantas com caules suberizados, caso os atinja.
O herbicida GLYPHOTAL WG é seletivo somente quando aplicado sobre as variedades de soja geneticamente modificadas, tolerantes ao glifosato, conforme as instruções de uso indicadas nesta bula.
O herbicida GLYPHOTAL WG não deve ser utilizado em pós-emergência de variedades de soja que não sejam, geneticamente modificadas, tolerantes ao glifosato ou sobre outras espécies úteis sensíveis.
Observar atentamente ao realizar as aplicações, para que não ocorra qualquer deriva para culturas vizinhas, inclusive soja que não seja resistente ao herbicida GLYPHOTAL WG.

OUTRAS RESTRIÇÕES

Armazenar e manusear apenas recipientes plásticos, fibra de vidro, alumínio ou aço inoxidável. Não armazenar a solução herbicida em recipientes de ferro galvanizado, ferro ou aço comum.
Sob chuva, suspenda a aplicação. Caso ocorra chuva nas primeiras 4 horas após aplicação, a eficiência do produto pode diminuir. Este intervalo de tempo é necessário para a absorção do produto pelas folhas e sua translocação pela planta alvo em condições adequadas de desenvolvimento.
Para garantia final de eficiência é essencial que se utilize água limpa (sem argilas em suspensão).
Não aplicar GLYPHOTAL WG com as folhas das plantas infestantes cobertas de poeira, porque nestas condições pode diminuir a ação do produto (absorção).
Não capinar ou roçar o mato antes ou logo após a aplicação de GLYPHOTAL WG.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Sempre que houver disponibilidade de informações sobre programas de Manejo Integrado, provenientes da pesquisa pública ou privada, recomenda-se que estes programas sejam implementados.

O uso continuado de herbicidas com o mesmo mecanismo de ação pode contribuir para o aumento de população de plantas infestantes a ele resistentes.
Como prática de manejo e resistência de plantas infestantes deverão ser aplicados herbicidas com diferentes mecanismos de ação, devidamente registrados para a cultura. Não havendo produtos alternativos recomenda-se a rotação de culturas que possibilite o uso de herbicidas com diferentes mecanismos de ação. Para maiores esclarecimentos consulte um Engenheiro Agrônomo.