Bula Legado - Adama

Bula Legado

CI
Fluensulfona
8518
Adama

Composição

Fluensulfona 480 g/L

Classificação

Terrestre
Nematicida
5 - Produto Improvável de Causar Dano Agudo
III - Produto perigoso
Não inflamável
Não corrosivo
Concentrado Emulsionável (EC)
Contato, Sistêmico

Tipo: Balde.
Material: Metálico.
Capacidade: 1,0; 2,0; 2,5; 3,0; 4,0; 5,0; 10; 15; 20; 25; 30; 40; 50 L.

Tipo: Bombona.
Material: Plástico.
Capacidade: 1,0; 2,0; 10; 2,5; 3,0; 4,0; 5,0; 8; 15; 20; 25; 30; 40; 50 L.

Tipo: Bulk.
Material: Metálico/Plástico.
Capacidade: 500; 1.000 L.

Tipo: Frasco.
Material: Metálico/Plástico.
Capacidade: 0,1; 0,2; 0,25; 0,3; 0,4; 0,5; 0,6; 0,8; 1,0; 1,2; 1,5; 1,6; 1,8; 2,0; 2,2 L.

Tipo: Isotanque.
Material: Metálico/Plástico.
Capacidade: 500; 1.000; 2.000; 5.000; 10.000; 15.000; 20.000; 25.000; 30.000 L.

Tipo: Tambor.
Material: Metálico/Plástico.
Capacidade: 50; 100; 150; 200; 250; 400; 500 L.

INSTRUÇÕES DE USO

LEGADO é um nematicida sistêmico que apresenta ação de contato no nematoide, recomendado para o controle dos principais nematoides nas culturas do cana-de-açúcar e citros.

MODO DE APLICAÇÃO

A aplicação do nematicida LEGADO deve ser efetuada através de pulverização terrestre.

APLICAÇÃO TERRESTRE: Para as culturas de cana-de-açúcar (cana planta), LEGADO deverá ser aplicado no sulco de plantio com equipamento terrestre (costal ou tratorizado).
Para a cultura da cana-de-açúcar (cana soca), LEGADO deverá ser aplicado na linha de plantio, utilizando um disco para cortar a touceira e aplicar o produto dentro da linha de corte, utilizando pulverizador tratorizado.
Para a cultura do citros, LEGADO deverá ser aplicado na superfície do solo e em faixa, utilizando pulverizador costal manual ou tratorizado.
Utilizar equipamentos com pontas de pulverização (bicos) do tipo cônico ou leque, que proporcionem uma vazão adequada para se obter uma boa cobertura e largura de faixa adequada á cada cultura. Procurar utilizar equipamentos e pressão de trabalho que proporcionem tamanhos de gotas que produzam pouca deriva:
- Diâmetro de gotas: 150 a 300 µ (micra) VMD;
- Densidade de gotas: mínimo de 40 gotas/cm2;
- Volume de calda:
• Cana-de-açúcar: 200 L/ha.
• Citros: 500 L/ha.

CONDIÇÕES CLIMÁTICAS: Devem-se observar as condições climáticas ideais para a aplicação via terrestre do produto, tais como: - Temperatura ambiente até 30ºC; - Umidade relativa do ar no mínimo de 50%; - Velocidade do vento entre 3 e 10 km/h; Para outros parâmetros referentes à tecnologia de aplicação, seguir as recomendações técnicas indicadas pela pesquisa e/ou assistência técnica da região, sempre sob orientação de um Engenheiro Agrônomo.

INTERVALO DE SEGURANÇA

Cana-de-açúcar e Citros: Intervalo de segurança não determinado devido à modalidade de emprego.

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS

Não há necessidade de observância de intervalo de reentrada, desde que as pessoas estejam calçadas ao entrarem na área tratada.

LIMITAÇÕES DE USO

• Uso exclusivo para culturas agrícolas.

Conforme recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

Conforme recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Recomenda-se, de maneira geral, o manejo integrado das pragas, envolvendo todos os princípios e medidas disponíveis e viáveis de controle. O uso de sementes sadias, variedades resistentes, rotação de culturas, época adequada de semeadura, adubação equilibrada, nematicidas, manejo da irrigação e outros, visam o melhor equilíbrio do sistema.

Embora a resistência nas populações de nematoides não seja comprovada, o uso exclusivo e repetido de qualquer produto pode levar a uma redução no controle.
Para manter a eficácia e longevidade do LEGADO como uma ferramenta útil de manejo de nematoides, é necessário seguir as seguintes estratégias que podem prevenir, retardar ou reverter a evolução da resistência:
Adotar as práticas de manejo a nematicidas, tais como:
• Rotacionar produtos com mecanismo de ação distinto. Sempre rotacionar com produtos de mecanismo de ação efetivos para o nematoide alvo.
• Seguir as recomendações de bula quanto ao número máximo de aplicações permitidas.
• Deve ser usado como parte do Manejo Integrado de Pragas (MIP) para o controle de nematoides. Adotar outras táticas de controle, como práticas culturais, descontaminação de implementos agrícolas, uso de variedades resistentes, monitoramento ou outros métodos de detecção e identificação adequada de nematoides.
• Sempre consultar um Engenheiro Agrônomo para o direcionamento das principais estratégias regionais para o manejo de resistência e para a orientação técnica na aplicação de nematicidas.