Bula Oncol Sipcam

acessos
Benfuracarb
3599
Sipcam Nichino

Composição

Benfuracarb 400 g/L Metilcarbamato de benzofuranila

Classificação

Inseticida
II - Altamente tóxico
I - Produto extremamente perigoso
Não Classificado
Não Classificado
Suspensão Concentrada (SC)
Sistêmico
Algodão Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Pulgão do algodoeiro
(Aphis gossypii)
2,5 L p.c./100 kg de sementes - - Não se aplica. Não especificado devido ao tipo de aplicação. O tratamento das sementes é feito apenas uma vez, antes do plantio.Observar um intervalo de 10 - 15dias após a germinação das sementes tratadas com ONCOL® SIPCAM, para aplicação de herbicida á base de propanil
Tripes
(Frankliniella schultzei)
1,5 a 2,5 L p.c./100 kg de sementes - - Não se aplica. Não especificado devido ao tipo de aplicação. O tratamento das sementes é feito apenas uma vez, antes do plantio.Observar um intervalo de 10 - 15dias após a germinação das sementes tratadas com ONCOL® SIPCAM, para aplicação de herbicida á base de propanil
Arroz Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Broca do colo
(Elasmopalpus lignosellus)
2,5 L p.c./100 kg de sementes - - Não se aplica. Não especificado devido ao tipo de aplicação. O tratamento das sementes é feito apenas uma vez, antes do plantio.Observar um intervalo de 10 - 15dias após a germinação das sementes tratadas com ONCOL® SIPCAM, para aplicação de herbicida á base de propanil
Milho Dosagem Calda Intervalo Época
Aplic
Terrestre Aérea Aplic Seg
Cupim
(Procornitermes triacifer)
1,75 a 2,5 L p.c./100 kg de sementes - - Não se aplica. Não especificado devido ao tipo de aplicação. O tratamento das sementes é feito apenas uma vez, antes do plantio.Observar um intervalo de 10 - 15dias após a germinação das sementes tratadas com ONCOL® SIPCAM, para aplicação de herbicida á base de propanil
Cupim de montículo
(Syntermes molestus)
1,75 a 2,5 L p.c./100 kg de sementes - - Não se aplica. Não especificado devido ao tipo de aplicação. O tratamento das sementes é feito apenas uma vez, antes do plantio.Observar um intervalo de 10 - 15dias após a germinação das sementes tratadas com ONCOL® SIPCAM, para aplicação de herbicida á base de propanil

Volume líquido: 500 ml, 1, 2, 5, 10, 20, 50 e 100 L.

Oncol é um inseticida sistêmico usado para tratamento de sementes nas culturas do algodão, arroz e milho.

NÚMERO, ÉPOCA E INTERVALO DE APLICAÇÃO:
O tratamento das sementes é feito apenas uma vez, antes do plantio.

MODO DE APLICAÇÃO:
O tratamento de sementes se faz através de máquinas terrestres específicas, que proporcionam segurança na aplicação e cobertura uniforme das sementes.

INTERVALO DE SEGURANÇA:
Não especificado devido ao tipo de aplicação.

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS AREAS TRATADAS:
Sem restrições devido a modalidade de aplicação.

LIMITAÇÕES DE USO:
Observar um intervalo de 10 - 15dias após a germinação das sementes tratadas com ONCOL® SIPCAM, para aplicação de herbicida á base de propanil.

PRECAUÇÕES GERAIS: Não coma, não beba e não fume durante o manuseio do produto; Não utilize equipamentos com vazamento ou com defeitos; Não distribua o produto com as mãos desprotegidas.

PRECAUÇÕES NO MANUSEIO: Se houver contato do produto com os olhos, lave-os imediatamente. Veja Primeiros Socorros. Se houver contato do produto com a pele, lave-a imediatamente e Veja Primeiros Socorros. Use macacão com mangas compridas, chapéu de aba larga, óculos ou viseira facial, luvas e botas de borracha.

PRECAUÇÕES DURANTE A APLICAÇÃO: Evite o máximo possível o contato com a área de aplicação. Não aplique o produto contra o vento. Use macacão com mangas compridas, chapéu de aba larga e botas.

PRECAUÇÕES APÓS A APLICAÇÃO: Não reutilize a embalagem vazia. Mantenha o restante do produto adequadamente fechado em local trancado, longe do alcance de crianças e animais. Tome banho, troque e lave as suas roupas.

PRIMEIROS SOCORROS: Ingestão: Provoque vômito e procure logo o médico levando a embalagem, rótulo, bula ou receituário agronômico do produto. Olhos: em caso de contato com os olhos, lave-os com água em abundância e procure o médico levando a embalagem, rótulo, bula ou receituário agronômico do produto. Pele: Em caso de contato com a pele, lavá-la com água e sabão e procure o médico, levando a embalagem, rótulo, bula ou receituário agronômico do produto. Inalação: Procurar local arejado e procurar o médico levando a embalagem, rótulo, bula ou receituário agronômico do produto.

ANTÍDOTO: ATROPINA É ANTÍDOTO DE EMERGÊNCIA EM CASO DE INTOXICAÇÃO. NUNCA ADMINISTRE ATROPINA ANTES DO APARECIMENTO DOS SINTOMAS DE INTOXICAÇÃO. Se o acidentado parar de respirar, aplique imediatamente respiração artificial. Transporte-o imediatamente para assistência médica mais próxima.

TRATAMENTO: Sulfato de Atropina, aplicar pelas vias intramuscular ou intravenosa (eventualmente, também por via oral): 1 a 6 mg cada 5 a 30 minutos até leve atropinização.

CONTRA-INDICAÇÕES: Oximas (Contrathion), morfina, aminofilina, tranqüilizantes.

MECANISMO DE AÇÃO, ABSORÇÃO E EXCREÇÃO: BENFURACARB pertence ao grupo químico dos carbamatos, agindo portanto como inibidor da colinesterase. É absorvido pelo trato gastrointestinal e rapidamente metabolizado e excretado, principalmente, pela urina.

EFEITOS AGUDOS, CRÔNICOS E COLATERAIS: Como inibidor da colinesterase os sintomas agudos são dor de cabeça, tontura, fraqueza e náuseas, e como sintomas posteriores constrição das pupilas, visão obscura, câimbras abdominais, salivação e transpiração excessivas, diarréia e vômito.

INTERVALO DE REENTRADA DAS PESSOAS NAS ÁREAS TRATADAS: Não deve ocorrer a reentrada de pessoas nas culturas antes de 24 horas após a aplicação, a menos que se use roupas protetoras.

PRECAUÇÕES DE USO E ADVERTÊNCIAS QUANTO À PROTEÇÃO AO MEIO AMBIENTE: Este produto é MUITO PERIGOSO AO MEIO AMBIENTE (CLASSE II). Este produto é ALTAMENTE TÓXICO para aves. Este produto é ALTAMENTE MÓVEL, apresentando alto potencial de deslocamento no solo. Este produto é ALTAMENTE TÓXICO para organismos aquáticos (peixes e microcrustáceos). Evite a contaminação ambiental - Preserve a Natureza. Não utilize equipamento com vazamento. Não aplique o produto na presença de ventos ou nas horas mais quentes. Aplique somente as doses recomendadas. Descarte corretamente as embalagens e restos do produto.

INSTRUÇÕES DE ARMAZENAMENTO DO PRODUTO, VISANDO SUA CONSERVAÇÃO E PREVENÇÃO CONTRA ACIDENTES: Mantenha o produto em sua embalagem original. O local deve ser exclusivo para produtos tóxicos, devendo ser isolado de alimentos, bebidas ou outros materiais. A construção deve ser de alvenaria ou de material não comburente. O local deve ser ventilado, coberto e ter piso impermeável. Coloque placa de advertência com os dizeres CUIDADO VENENO. Tranque o local, evitando o acesso de pessoas não autorizadas principalmente crianças. Deve haver sempre embalagens adequadas disponíveis para envolver embalagens rompidas ou para o recolhimento de produtos vazados. Em caso de armazéns maiores deverão ser seguidas as instruções constantes da NBR 9843. Observe as disposições constantes da legislação estadual e municipal.

INSTRUÇÕES EM CASO DE ACIDENTES: Isole e sinalize a área contaminada. Contate as autoridades locais competentes e a Empresa SIPCAM AGRO S.A. - telefone de emergência: (01) 5506 9242. Utilize equipamento de proteção individual - EPI (macacão de PVC, luvas e botas de borracha, óculos protetores e máscara contra eventuais vapores). Em caso de derrame, siga as instruções abaixo:

Piso pavimentado: coloque material absorvente (p.ex.: serragem ou terra) sobre o conteúdo derramado e recolha com o auxílio de uma pá e coloque em recipiente lacrado e identificado devidamente. Remova conforme orientações de destinação adequada de resíduos e embalagens. Lave o local com grande quantidade de água.

Solo: Retire as camadas de terra contaminada, até atingir o solo não contaminado, e adotar os mesmos procedimentos acima descritos para recolhimento e destinação adequada.

Corpos d'água: Interrompa imediatamente a captação para o consumo humano e animal e contate o centro de emergência da empresa, visto que as medidas a serem adotadas dependem das proporções do acidente, das características do recurso hídrico em questão e da quantidade de produto envolvido;

Em caso de incêndio, use extintores de água em forma de neblina, CO2 ou pó químico ficando a favor do vento para evitar intoxicação.

DESTINAÇÃO ADEQUADA DE RESÍDUOS E EMBALAGENS: As embalagens devem ser enxaguadas três vezes e a calda resultante acrescentada à preparação a ser aplicada nas sementes. Não reutilize as embalagens. Observe as legislações Estadual e Municipal específicas. Fica proibido o enterrio de embalagem. Consulte o Órgão Estadual de Meio Ambiente.

MÉTODO DE DESATIVAÇÃO DO PRODUTO: Incineração em forno rotativo com temperatura variando de 600 a 1200ºC. Tempo de residência no forno rotativo de 30 a 60 minutos. Para desativação do produto contate a empresa SIPCAM AGRO S.A.

Incluir outros métodos de controle de pragas (ex. controle cultural, biológico, etc.) dentro do programa de Manejo Integrado de Pragas (MIP), quando disponíveis e apropriados.

Qualquer agente de controle de pragas pode ficar menos efetivo ao longo do tempo devido ao desenvolvimento de resistência.
O Comitê Brasileiro de Ação a Resistência a Inseticidas (IRAC-BR) recomenda as seguintes estratégias de manejo de resistência visando prolongar a vida útil dos inseticidas e acaricidas:
- qualquer produto para controle de pragas da mesma classe ou de mesmo modo de ação, não deve ser utilizado em gerações consecutivas da mesma praga;
- utilizar somente as doses recomendadas no rótulo/bula;
- sempre consultar um Engenheiro Agrônomo para orientação sobre as recomendações locais para o manejo de resistência;