Bula Organic WP - Laboratório Farroupilha
CME MILHO (SET/20) US$ 3,226 (-0,74%)
| Dólar (compra) R$ 5,39 (0,42%)

Bula Organic WP

T richoderma asperellum isolado URM 5911
12616
Lallemand

Composição

Trichoderma asperellum isolado URM 5911 100 %

Classificação

Tratamento de Sementes
Fungicida microbiológico
Não Classificado
IV - Produto pouco perigoso ao meio ambiente
Não inflamável
Não corrosivo
Pó molhável (WP)
Fungicida microbiológico

Conteúdo: 0,250Kg; 0,500Kg; 1kg e 5kg.

INSTRUÇÕES DE USO

Organic WP é um fungicida microbiológico a base de Trichoderma asperellum, de ocorrência natural em solos, eficaz no controle de fungos fitopatogênicos, incluindo os fungos Fusarium spp. e Rhizoctonia sp. As recomendações de uso devem ser obtidas com o Departamento Técnico do Laboratório de Bio Controle Farroupilha Ltda. Telefone 0800 940 4377. E-mail: departamentotecnico@labfarroupilha.com.

NÚMERO, ÉPOCA E INTERVALO DE APLICAÇÃO

Uma única aplicação no tratamento de sementes.

MODO DE APLICAÇÃO

O produto será aplicado em pó, a seco, sem o preparo de calda.
Para o tratamento de sementes a preparação será realizada em equipamento específico para tratamento de sementes, ou outra tecnologia que proporcione cobertura homogênea da semente.
Limpeza do Equipamento: Limpar muito bem os equipamentos a fim de eliminar resíduos de outros produtos químicos.
Atenção:
Para descontaminação dos equipamentos de aplicação recomenda-se:
a. Não realizar a limpeza próximo de lagos, rios ou reservas de água.
b. Realizar esta limpeza em local adequado onde os resíduos tenham o destino estabelecido em legislação.

INTERVALO DE SEGURANÇA

Não determinado devido à natureza microbiológica do ingrediente ativo.

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NAS CULTURAS E ÁREAS TRATADAS

Não determinado devido ao modo de aplicação do produto.

LIMITAÇÕES DE USO

Os usos do produto estão restritos aos indicados no rótulo e bula. Quando este produto for utilizado nas doses recomendadas, não causará danos às culturas indicadas.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Sempre que houver disponibilidade de informações sobre o Manejo Integrado de Pragas - MIP, provenientes da pesquisa pública ou privada, recomenda-se que estes programas sejam implementados.

Qualquer agente de controle de pragas e doenças pode ficar menos efetivo ao longo do tempo devido ao desenvolvimento de resistência. Para tanto, deve-se utilizar a rotação de produtos com mecanismos de ação distintos, somente na época, na dose e nos intervalos de aplicação recomendados no rótulo e bula.