Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o nosso site e as páginas que visita. Tudo para tornar sua experiência a mais agradável possível. Leia os Termos de Uso e a Termos de Privacidade.


Bula Tank

CI
Cryptolaemus montrouzieri
24220
TOPBIO

Composição

Cryptolaemus montrouzieri 500 Indivíduos/embalagens

Classificação

Terrestre
Inseticida biológico
Não determinada devido à natureza do produto (inimigo natural).
IV - Produto pouco perigoso ao meio ambiente
Não inflamável
Não corrosivo
Insetos vivos
Inseticida biológico

Todas as culturas com ocorrência do alvo biológico

Dosagem Calda Terrestre
Maconellicoccus hirsutus (Cochonilha-rosada)

Tipo: Frasco
Material: Papelão biodegradável
Capacidade: 500 insetos

Tipo: Frasco
Material: Papelão biodegradável
Capacidade: 1.000 insetos.

INSTRUÇÕES DE USO

O produto TANK (Cryptolaemus montrouzieri) é um agente de controle biológico que pode ser utilizado para o controle da cochonilha rosada Maconellicoccus hirsutus em qualquer cultura de ocorrência do seu alvo biológico.

MODO DE AÇÃO

Os indivíduos da espécie Cryptolaemus montrouzieri são insetos predadores, ou seja, o mecanismo de ação sobre a praga ocorre na forma de predação. Após a liberação no campo, esses insetos predadores detectam suas presas alimentando-se delas, diminuindo assim a população da praga.

INTERVALO DE SEGURANÇA

Não determinado devido a natureza do produto (agente biológico de controle – insetos vivos). Sem restrições.

INTERVALO DE REENTRADA DE PESSOAS NA CULTURA E ÁREAS TRATADAS

Sem restrições.

LIMITAÇÕES DE USO

Não é recomendado a aplicação desse produto em dias com previsão de chuva intensa, pois as joaninhas predadoras terão mais dificuldade de se dispersarem pelas folhas e plantas dentro da área cultivada. Não deve ser utilizado juntamente com inseticidas químicos não seletivos. O Cryptolaemus montrouzieri (TANK) não apresenta efeito fitotóxico. Trata-se de um Agente de Controle Biológico. Não há probabilidade de desenvolvimento de resistência para o uso deste tipo de tecnologia.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pela Saúde Humana – ANVISA/MS.

De acordo com as recomendações aprovadas pelo órgão responsável pelo Meio Ambiente – IBAMA/MMA.

Incluir na sistemática de inspeção ou monitoramento e controle de pragas, quando a infestação atingir o limite de prejuízo econômico, outros métodos de controle de pragas (Ex.: controle cultura, biológico, rotação de inseticidas, acaricidas, etc.), visando o programa de Manejo Integrado de Pragas.

Não há probabilidade de desenvolvimento de resistência para o uso deste tipo de tecnologia.