<img src=http://www.agrolink.com.br/img/bandeiras/band_paraguay.gif alt="Paraguai"> Pinhão-manso, soja ou canola são opções para biodiesel no Paraguai

Agronegócio

<img src=http://www.agrolink.com.br/img/bandeiras/band_paraguay.gif alt="Paraguai"> Pinhão-manso, soja ou canola são opções para biodiesel no Paraguai

Para a produção de biodiesel, o Paraguai deve otimizar as análises de matérias-primas para alcançar uma produção eficiente e competitiva
Por: -Giuliano
172 acessos

Para a produção de biodiesel, o Paraguai deve otimizar as análises de matérias-primas para alcançar uma produção eficiente e competitiva, afirmou a engenheira agrônoma Virginia Lobatto, que tratou sobre o tema na semana passada. Neste sentido, o país tem opções como soja, pinhão-manso (oleaginosa não-comestível), girassol, canola e mamona. Em relação ao álcool, as decisões estão mais alinhadas em torno da cana-de-açúcar, mas na opinião de Virginia é fundamental fazer uma análise de toda a cadeia produtiva para definir qual é a matéria-prima mais vantajosa.

"Para definir a matéria-prima mais conveniente, não temos que analisar a questão somente pelo ponto de vista agrícola, mas também ver as vantagens industriais, logísticas, os riscos climáticos para cada opção", afirma. Foi destacado que para começar uma produção eficiente e competitiva é preciso levar em consideração não somente os aspectos agronômicos e econômicos, mas também sociais e ambientais.

Virginia advertiu que, neste terreno, os países estão começando a produção de biocombustíveis com muitos buracos negros. “Claro, não existe outra maneira, porque se começa com o que se tem em mãos, mas está presente o desafio de fazer uma investigação e ver que existem críticas na produção de biocombustíveis a partir de fontes de alimentação”, destacou. As informações são do jornal ABC Color.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink