Boi

1ª Feira Oficial de Terneiros acontece neste sábado em Quevedos

Durante a feira, serão postos em pista cerca de 450 animais
Por:
123 acessos

Neste sábado (14/04), será realizada a 1ª Feira Oficial do Terneiro, da Terneira e da Vaquilhona no município de Quevedos, com exposição de 450 animais e presença de instituições financeiras para a viabilização de recursos aos compradores. O evento, que acontecerá no Horto Municipal, na saída para São Pedro do Sul, tendo início às 14h, é uma organização da Emater/RS-Ascar, Prefeitura, Secretaria Municipal da Agricultura, Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente e do Sindicato Rural de Jari e de Quevedos. A Feira já está incluída no Calendário de Feiras e Eventos da Secretaria Estadual da Agricultura, Pecuária e Irrigação (Seapi).

Durante a feira, serão postos em pista cerca de 450 animais, em lotes pertencentes a 14 produtores, entre pecuaristas familiares e pecuaristas empresariais. Para participar da feira, exige-se que as terneiras estejam vacinadas para brucelose e as vaquilhonas para brucelose e também tuberculose.

Os animais serão, em sua maior parte, de raças europeias como Hereford, Braford, Aberdeen Angus e Red Angus, mas também haverá exposição de gado melhorado geneticamente da pecuária familiar. O extensionista rural do Escritório Municipal da Emater/RS-Ascar de Quevedos, Flavio Junior Rumpel Brum, comenta que os produtores da região Central do Estado gostam muitos dos animais de Quevedos. "Porque eles têm um padrão racial muito bom, que se destaca entre os demais da região". 

O Banco do Brasil, o Banrisul e o Sicredi vão estar no local para realizar financiamentos de animais. A feira tem liberação do Governo do Estado, o que possibilita a viabilização dos recursos pelas instituições financeiras, com taxas de juros e prazos diferenciados aos produtores, através de programas de crédito rural como o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) e o Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp). De acordo Brum, a possibilidade de alcance do produtor ao crédito rural facilita bastante a comercialização dos animais. "E a Emater estará trabalhando nos projetos destes financiamentos, a fim de alavancar o crédito rural ao pecuarista familiar". 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink