ALGODÃO/CEPEA: qualidade e diferença entre preços limitam negócios

Algodão

ALGODÃO/CEPEA: qualidade e diferença entre preços limitam negócios

Qualidade do algodão disponível e a disparidade entre os preços seguem limitando os negócios no mercado spot
Por:
57 acessos

A qualidade do algodão disponível e a disparidade entre os preços seguem limitando os negócios no mercado spot. De acordo com colaboradores do Cepea, compradores tentam pressionar os valores, enquanto vendedores se mantêm firmes nos preços pedidos. Parte das indústrias trabalha com a matéria-prima estocada e/ou recebida de contratos, sendo que algumas mostram interesse em novas compras apenas para entrega nos próximos meses.

Comerciantes, por sua vez, continuam com dificuldade em alinhar novos fechamentos “casados” no spot, mas, em alguns casos, adquirem a pluma para cumprir com as programações e/ou para reposição de estoque. Nesse cenário, entre 28 de fevereiro e 12 de março, o Indicador do algodão em pluma CEPEA/ESALQ, com pagamento em 8 dias, registrou ligeira queda de 0,09%, fechando a R$ 2,9291/libra-peso nessa terça-feira, 12.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink