Após queda, preços da soja se recuperam
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,782 (-0,26%)
| Dólar (compra) R$ 5,38 (2,78%)

Imagem: Divulgação

COTAÇÕES

Após queda, preços da soja se recuperam

Principalmente no Rio Grande do Sul
Por: -Leonardo Gottems
627 acessos

De acordo com a T&F Consultoria Agroeconômica, os preços da soja voltaram a subir, após leve queda no dia anterior. No estado do Rio Grande do Sul, as indústrias se preparam para o próximo leilão de biodiesel e elevam 1-3 reais/saca para estimular a venda da soja. 

“Extremamente bem capitalizado, como raramente esteve na sua história, o sojicultor gaúcho prefere reter o que lhe resta de produto à espera de preços melhores. Às vésperas de um novo leilão de fornecimento de óleo de soja para o programa de biodiesel, as indústrias do estado decidiram aumentar em mais um real/saca, para inéditos R$ 140,50 posto nas duas indústrias localizadas no porto gaúcho de Rio Grande, um real a mais do que a cotação do dia anterior”, comenta. 

“No interior os preços da soja subiram cerca de 3 reais/saca para R$ 142,50 em Canoas, um real para R$ 140,00/saca no entroncamento ferroviário de Cruz Alta e em Ijuí e um real/saca em Passo Fundo para R$ 141,00, final de setembro. Para maio de 2021 os preços subiram 2 reais/saca para R$ 124,00/saca, no porto”, completa. 

No Paraná, os preços sobem em média 2 reais/saca nesta quarta-feira. “No mercado de balcão o preço oferecido ao agricultor na região de Ponta Grossa subiu mais 2 reais/saca para R$ 120,00. Na tabela nº 1 acima pode-se ver os preços para os produtores em outras praças. No mercado de lotes, para entrega em setembro o preço avançou dois reais/saca para R$ 138,00/saca, em Ponta Grossa, mas, pagamento final de novembro. No interior dos Campos Gerais o preço também avançou um real/saca para R$ 137,00, retirada outubro, pagamento em novembro. Para entrega em outubro e pagamento em janeiro o preço ficou em R$ 140,00”, informa. 

No Mato Grosso do Sul, os preços subiram até 4 reais/saca. “Os preços mantiveram-se em R$ 130,00 em Caarapó, subiu 4 reais/saca para R$ R$ 139,00 em Campo Grande, subiu mais R$ 0,50/saca para R$ 137,50 em Dourados e subiu R$ 1,20/saca para R$ 133,20 em São Gabriel do Oeste”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink