Argentina corta taxa de exportação para vender soja
CI
Imagem: Divulgação
MUNDO

Argentina corta taxa de exportação para vender soja

De acordo com consultoria, o corte deve ser de 3%
Por: -Leonardo Gottems

O governo argentino anunciou um pacote de medidas para tentar incentivar os agricultores a acelerar as vendas de grãos durante o último trimestre do ano e o corte de taxa de exportação se consolidou como sendo uma dessas medidas. Foi isso que informou a TF Agroeconômica. 

“Segundo fontes com conhecimento do assunto, o governo anunciará uma redução dos direitos de exportação de soja de 33% para pelo menos 30% por um período de 90 dias. Uma das fontes disse que o setor havia pedido ao governo para reduzir os direitos de exportação de soja por até 12 meses, mas o governo não aceitou o pedido”, diz a consultoria. 

De acordo com a consultoria, essa fonte acrescentou que funcionários do governo do Ministério da Economia realizaram pelo menos duas reuniões com representantes de exportadores de grãos para tentar chegar a um acordo para impulsionar as exportações de grãos, mas as negociações haviam parado. "O setor não chegou a um acordo com o governo e o governo anunciará seu próprio pacote de medidas com o objetivo de impulsionar as vendas. Parece que após este anúncio, o governo provavelmente continuará as negociações com a indústria", completa. 

“O movimento do governo visa reforçar as reservas internacionais do Banco Central com novos fundos em um momento em que a entidade teve que implementar rígidos controles cambiais para evitar uma deterioração adicional no nível de reservas. Segundo uma fonte comercial, os agricultores ainda têm aproximadamente 16 milhões de t de soja em sua posse”, concluiu a TF, citando informações também do Agricensus. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink