CI

Banco revisa recomendação para ação do GIGANTE

A ação está sendo negociada para apenas 7,1% de rendimento de Fluxo da Caixa Livre em 2024


Foto: Pixabay

O JP Morgan rebaixou sua recomendação para a ação da BRF (BRFS3) de compra para neutro, com um preço-alvo de R$ 15,50 até o final de 2024. A mudança se deve à forte valorização da ação (78% ao longo do ano), aproximando-se dos níveis-alvo.

Além disso, é importante ressaltar que o banco se destaca pela recuperação robusta da BRF. Essa melhoria foi impulsionada significativamente por meio de uma oferta subsequente, que não apenas aprimorou a estrutura de capital da empresa, mas também teve um impacto positivo na redução do custo da dívida. Paralelamente, o programa de eficiência BRF Mais desempenha um papel fundamental, contribuindo de maneira substancial para alinhar os indicadores-chave de desempenho da empresa, fortalecendo ainda mais sua posição no mercado.

Apesar da dinâmica de mercado favorecer a empresa, com custos de alimentação baixos e indicadores indicando menor produção de frango, o JP Morgan considera que a BRF já reflete em grande parte esse otimismo. A ação está sendo negociada para apenas 7,1% de rendimento de Fluxo da Caixa Livre em 2024, levando o banco a diminuir sua recomendação para neutro. As ações da BRF registraram maior queda na B3, caindo 3,72% para R$ 13,97 por volta das 12h12 desta quarta-feira.

O banco recomenda que os investidores estejam atentos a uma oportunidade mais estratégica para entrar na ação ou explorar uma maior visibilidade no mercado internacional de frango, onde há perspectiva de vantagens. O ano de 2024 é percebido como um período de transição, indicando que os investidores avaliam cuidadosamente suas estratégias e posicionamento em relação à BRF.

Assine a nossa newsletter e receba nossas notícias e informações direto no seu email

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.