Agronegócio

Biocombustível pode liderar pauta exportadora em 2007

É provável que a comercialização de álcool e açúcar seja maior que o volume de venda de carnes
Por: -Rhudy Crysthian
1 acessos

O setor sucroalcooleiro deve aumentar sua participação nas exportações do País. Na avaliação da Confederação Nacional da Agricultura, é provável que a comercialização de álcool e açúcar para outros países seja maior que o volume de venda de carnes. As expectativas também valem para Goiás. Números reais da safra 2007 devem sair nos próximos dias. Mas já foi registrado um crescimento de 22,8% do álcool hidratado – aquele que vai direto no carro –, mais 2,5% do álcool anidro – serve de mistura no combustível – e outros 12% de aumento na produção de cana-de-açúcar da última safra.

De acordo com o presidente do Sindicato da Indústria de Fabricação de Açúcar de Goiás (Sifaeg/Sifaçúcar), Igor Montenegro Celestino Otto, dos 23 projetos de usinas para os próximos anos, um ficará pronto em 2007. O que deve ajudar no aumento da oferta. Igor não pode adiantar a região que a empresa irá se instalar, mas afirma que o projeto demandará entre R$ 70 milhões e R$ 120 milhões em investimentos.

Atualmente, existem 15 usinas em produção no Estado. Nesta safra 2006/2007, devem moer 16,1 milhões de toneladas de cana, contra 14,5 milhões de toneladas moídas na safra passada, um aumento previsto de 10,7%. A produtividade goiana teve elevação de 6,6% .

Um dos motivos do aumento da demanda por álcool é a elevação do número de veículos bicombustíveis. De acordo com Igor, dobrou o número de veículos flex no País. O número saiu de 1,126 milhão em 2005 para 2,520 milhões no ano passado. Segundo dados da Secretaria da Indústria e Comércio, o Estado é o segundo maior em atrativos de investimentos do País neste setor. A demanda por açúcar se manteve estável no mercado interno, um crescimento vegetativo de 2%. Os 12% de aumento na produção dacana elevaram os estoques do produto em quase 2 milhões de toneladas.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink