Boi gordo: mercado pressionado com negócios em ritmo lento
CI
Agronegócio

Boi gordo: mercado pressionado com negócios em ritmo lento

Volume de negócios diminuiu em relação às semanas anteriores
Por:
Mercado do boi gordo pressionado.

Porém, o volume de negócios diminuiu em relação às semanas anteriores. Em São Paulo, a arroba ficou estável nesta terça-feira (27/5), cotada em R$119,50/@, à vista.

No Mato Grosso do Sul a oferta melhorou com o frio, que reduziu a qualidade do capim. As indústrias do estado têm dificuldade para escoar a produção. Com isso, em Dourados, os preços caíram. O maior volume de negócios ocorreu em R$114,00/@, à vista.


No Rio Grande do Sul as pastagens nativas perderam qualidade e as forrageiras de inverno ainda não estão em condições de manter os animais. Isso reduziu a oferta. Na região de Pelotas o boi gordo ficou cotado em R$4,25/kg, à vista, valorização de 4,8% em relação ao início de abril.


Em Rondônia a oferta melhorou e as escalas de abate atendem quatro dias úteis, em média. Porém os preços ficaram estáveis em R$111,00/@, à vista.

Mercado atacadista de carne bovina estável, com dificuldade para escoar a produção.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.