Brasil destina 19,8% mais embalagens vazias em 2007
CI
Agronegócio

Brasil destina 19,8% mais embalagens vazias em 2007

No primeiro bimestre foram devolvidas 2.981 toneladas de embalagens de defensivos
Por:

Através do trabalho conjunto de agricultores, canais de distribuição e cooperativas, indústria fabricante (representada pelo Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias (inpEV) e poder público, o Brasil alcançou um resultado positivo na destinação final de embalagens vazias de defensivos agrícolas no primeiro bimestre de 2007.

Durante o período foram destinadas 2.981 toneladas de embalagens, volume 19,8% maior que o registrado no mesmo período de 2006. Apenas no mês de fevereiro foram destinadas em todo Brasil 1.574 toneladas de recipientes vazios.

Os resultados positivos também foram alcançados por diversos Estados, como Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná e Santa Catarina.

A partir de agora, o País passa a ter duas novas unidades de recebimento de embalagens, um posto no município de Marabá e uma central, que funciona em Paragominas, ambas no Estado do Pará. As informações são da assessoria de imprensa da InpEV.

- Mais informações sobre o inpEV e o Sistema de Destinação Final de Embalagens Vazias estão disponíveis em www.inpev.org.br.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink