Campanha colhe uva orgânica em fevereiro


Agronegócio

Campanha colhe uva orgânica em fevereiro

Por:
2 acessos

Vitivinicultores da região da Campanha se preparam para colher, em fevereiro, a primeira safra de uvas viníferas orgânicas, em um total previsto de dez toneladas. Os parreirais estão distribuídos em seis hectares em Livramento. O grupo faz parte da Associação Santanense de Produtores de Hortifrutigranjeiros (ASPH) que, em parceria com a Emater, desenvolveu um projeto de fruticultura ecológica. Participam 200 pequenos produtores rurais, sendo 60% assentados da reforma agrária, em áreas de, no máximo, três hectares.

A idéia ganhou impulso a partir da criação da ASPH, em 1998, num momento de crise dos principais produtos da região da Campanha: o gado de corte e o arroz irrigado. Atualmente, além de outros 40 hectares de uva que ainda não estão produzindo, há 40 hectares com pêra, 60 hectares com pêssego e dez hectares com figo e ameixa. O desafio de produzir frutas agroecológicas pode significar um aumento de renda, projeta o presidente da associação, Valmir de Souza, que planeja conquistar a certificação até o próximo ano.

O extensionista rural da Emater Alcedir dos Santos explica que a região apresenta condições adequadas para a produção de frutas de qualidade e sem o uso de agrotóxicos. Para isso, contribuem o clima seco, a baixa umidade relativa do ar no verão e a existência de uma grande área com solos arenosos, profundos e bem drenados. Além disso, a região encontra-se em ótima localização para a vitivinicultura. A batalha contra as doenças fúngicas está sendo vencida com aplicação de caldas sulfocálcica e bordalesa.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink