Cana já ocupa 15 mil hectares da soja em Dourados/MS
CI
Agronegócio

Cana já ocupa 15 mil hectares da soja em Dourados/MS

Dificuldade de se obter financiamento bancário para o plantio foi um dos principais fatores para a redução na área plantada com soja
Por:

O município de Dourados deve plantar 140 mil hectares com soja este ano, de acordo com dados levantados na primeira reunião da Corea (Comissão Regional de Estatísticas Agropecuária), no dia 8. A área a ser plantada é 15 mil hectares menos que a da safra passada, que foi de 155 mil. Os 15 mil hectares é exatamente a que está sendo ocupada com cana-de-açúcar.

Reunidos na unidade do IBGE de Dourados, técnicos apontaram que a dificuldade de se obter financiamento bancário para o plantio foi um dos principais fatores para a redução na área plantada com soja. Por outro lado, o aumento do custo de produção, segundo os técnicos, pode resultar em menor investimento em insumos e provocar queda na produção.

A produtividade média esperada para esta safra é de 3 mil quilos de grãos de soja por hectare. Com isso, a produção esperada é de 420 mil toneladas em Dourados.

A expansão do plantio da cana é em função também da implantação de duas usinas de álcool e açúcar em Dourados. Uma em Itahum e outra no Curral de Arame, próximo à cidade. Essas usinas precisam de 60 mil hectares de plantio de cana. A produtividade esperada nessas lavouras é de 110 mil quilos por hectare.

Outras culturas da safra de verão que estão em fase de plantio em Dourados são o milho primeira safra, o arroz irrigado e o tomate. Com arroz irrigado, a terceira cultura em área, devem ser plantados 3 mil hectares, com rendimento médio esperado de 5 mil quilos por hectare.

A aérea de milho já está 100% plantada. São 500 hectares, com rendimento médio esperado de 3.120 quilos por hectare (o normal seria 3 mil quilos). A redução da área de plantio em 50% (na safra passada foram 1 mil hectares) foi em função, segundo os técnicos, da inviabilidade financeira da cultura. Hoje, a saca de milho, que já chegou a R$ 23, está cotada a R$ 14.

Com a cultura do tomate, Dourados deve plantar, segundo o IBGE, 12 hectares. A área é menor que a da safra passada, quando foram plantados 15 hectares. A produtividade esperada é de 28 mil quilos por hectare, a mesma do ano passado.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.