Carne: Ásia deve se consolidar como grande parceiro
CI
PECUÁRIA

Carne: Ásia deve se consolidar como grande parceiro

O importante é “a entrada de dólares na cadeia produtiva da carne
Por: -Leonardo Gottems

A Ásia vem demonstrando todo o seu peso econômico e político ao ponto em que, cada vez mais, expande seus negócios com o Brasil no setor da pecuária, segundo informou Luiz Cralos Ramos, jornalista especializado em coberturas voltadas ao setor agropecuário e colaborador da CarneTec. De acordo com ele, em 2018, o Brasil exportou 915 mil toneladas de carnes bovina, suína e de frango aos chineses. 

“Esses produtos estão entre os cinco mais vendidos à China, fiel parceiro também na compra de aço, café, soja e outros itens. Desde agosto de 2018, quando foram registrados os primeiros casos de peste suína na China, houve perda de pelo menos 35% do rebanho”, escreveu o especialista. 

Para o Brasil, segundo ele, essa é uma grande oportunidade, já que o setor, aqui, é classificado pelo jornalista como um dos “grandes tesouros” do País. “O rebanho bovino brasileiro, com cerca de 235 milhões de cabeças, surge em segundo lugar entre os maiores do mundo, perdendo apenas para os 305 milhões de bovinos e bubalinos da Índia”, informa.  

“O rebanho indiano não tem características comerciais, embora uma parte seja exportada: de acordo com o hinduísmo, relgião que prevalece na maioria do país, a vaca é sagrada, como símbolo da fertilidade, e precisa ser preservada”, completa. 

Para finalizar, ele afirma que o importante é “a entrada de dólares na cadeia produtiva da carne, após os problemas de 2017 e 2018. Será uma movimentação extremamente benéfica à economia brasileira, contribuindo para o combate ao desemprego e aos demais problemas sociais, em contraponto com o desperdício de energia em embates dentro do próprio governo e nos confrontos com o Congresso Nacional”. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.