Carne de frango in natura: retrospectiva sugere aumento de 5% no volume exportado em 2022
CI
Imagem: Pixabay
PECUÁRIA

Carne de frango in natura: retrospectiva sugere aumento de 5% no volume exportado em 2022

As exportações de carne de frango in natura irão aumentar em torno de 5%
Por:

Embora os efeitos da pandemia sobre o setor exportador tenham sido quase totalmente superados, a eclosão da guerra na Europa volta a tumultuar o comércio internacional, com resultados por ora ainda imponderáveis. Porém, “mantida a tradição”, as exportações de carne de frango in natura irão aumentar em torno de 5% no corrente exercício.

A afirmação baseia-se no desempenho das exportações do produto nos últimos 15 anos (2007 a 2021). Nesse período, o menor volume do ano foi registrado no primeiro trimestre, correspondendo, na média, a 23,4% do total anual. No segundo trimestre as exportações alcançaram 25,4% do total, índice que subiu para 26,2% no terceiro trimestre e vem correspondendo ao melhor resultado do ano. No quarto trimestre o volume exportado representou, em média, 25% do total anual.

Pois bem: supondo-se que esses índices se mantenham no decorrer de 2022, tem-se abaixo, à direita, uma projeção para as exportações do trimestre corrente e dos dois vindouros. O resultado é um total anual de, aproximadamente, 4,463 milhões de toneladas, cerca de 5% a mais que os 4,251 milhões de toneladas de 2021.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.