Chance de La Niña é de 70%, diz BOM
CME MILHO (DEZ/20) US$ 3,632 (-1,41%)
| Dólar (compra) R$ 5,51 (-1,34%)

Imagem: Arquivo

CLIMA

Chance de La Niña é de 70%, diz BOM 

O fenômeno la Niña pode causar seca no Sul
Por: -Leonardo Gottems
1365 acessos

A probabilidade de um fenômeno climático de La Nina se formar no final deste ano aumentou para 70% de 50% devido às temperaturas superficiais do Oceano Pacífico tropical que continuam esfriando nos últimos três meses, disse o Bureau australiano de Meteorologia (BOM) em uma atualização mensal. As informações foram divulgadas pela T&F Consultoria Agroeconômica. 

Isso significa que a probabilidade de uma La Nina se manifestar durante a segunda metade deste ano é três vezes mais provável que a média, com o BOM movendo sua perspectiva para "La Niña Alert". "Essa mudança de status segue o resfriamento sustentado no Oceano Pacífico tropical central e oriental, em direção aos limiares de La Nina, bem como um aumento na força do vento comercial nos últimos três meses", disse a BOM. 

Embora a Oscilação El Niño-Sul (ENSO) permaneça atualmente em um estado neutro, variáveis-chave indicam que uma mudança para um estado de La Nina no final deste ano é cada vez mais provável, acrescentou. “A BOM mudou pela última vez sua perspectiva para "La Nina Watch" em junho, quando os modelos meteorológicos indicaram uma probabilidade de 50%. A última perspectiva deste mês está a apenas um passo de um estado completo de La Nina na escala de perspectiva ENSO da BOM”, indica a consultoria. 

“No lado leste do Pacífico, uma La Niña pode empurrar a chuva através dos EUA para o norte, levando a tempo mais seco em todos os estados do sul e temperaturas mais frias e chuvas fortes na PNW. No Brasil, o fenômeno la Niña pode causar seca no Sul, com potencial impacto significativo na produção de soja no Paraná e no Rio Grande do Sul durante sua estação de crescimento”, conclui. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink